Manifestações respiratórias na malária por Plasmodium falciparum e Vivax: vivax

Manifestações respiratórias na malária por Plasmodium falciparum e Vivax: vivax

Título alternativo Malaria respiratory manifestations by Plasmomodium falciparum and P
Autor Botelho, C. Google Scholar
Barbosa, Luiz Sérgio Guedes Google Scholar
Aquino, J. L. Google Scholar
Silva, M. D. Google Scholar
Meirelles, S. M. P. Google Scholar
Jardim, José Roberto Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de Mato Grosso Departamento de Medicina
Universidade Federal de Mato Grosso
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo A group of 110 patients (101 male, 9 female with mean age ± SD: 31,1 ± 11,0 years) with fever, coming from an endemic malaria region, was studied at SUCAM-CUIABÁ, for diagnosis and treatment of possible protozoal infection. For this group a simplified questionnaire on respiratory symptoms was applied and laboratory tests consisting of peripheral blood film, arterial blool gas analysis and pulmonary function test rwere done. 62 patients had a positive test of malaria (41 P. vivax, 20 P. falciparum 1 F + V) a¡rd 48 were negative, We conclude that there is an association between malarial infection and the presence of respiratory problems.

Foram selecionados 110 pacientes que procuraram a SUCAM/CUIABÁ para diagnóstico e tratamento de malária, com queixa de febre e procedente de área malarígena. Nestes pacientes foram realizados: gota espessa para a pesquisa de Plasmodium; aplicação de questionário padronizado para detectar sintomas respiratórios presentes no momento da entrevista; gasometria arterial e espirometria para avaliar a função pulmonar. Desta amostra, 62 pacientes foram positivos para malária sendo 41 P. vivax, 20 P. falciparum e 01 forma mista (grupo Malárico); 48 mostraram-se negativos à pesquisa de hematozoários através da gota espessa (grupo Não Malárico). As manifestações respiratórias encontradas nesta população quando comparadas os grupos Malárico e Não Malárico, foram respectivamente: 1º) Sintomáticos Respiratórios de 46,8% para 22 9% (p < 0,05); 2°) Alterações Espirométricas de 53,2% para 20,8% (p < 0,05); 3°) Alterações Gasométricas de 62,9% para 25,0% (p < 0,05). Com estes resultados concluímos que há nítida associação entre a Malária produzida pelo P. vivax e P. falciparum e as manifestações respiratórias apresentadas, nesta população de estudo.
Palavra-chave Malária pulmonar
Malária
sintomas respiratórios
Idioma Português
Data de publicação 1987-12-01
Publicado em BOTELHO, C. et al . Manifestações respiratórias na malária por Plasmodium falciparum e Vivax: vivax. Rev. Inst. Med. trop. S. Paulo, São Paulo , v. 29, n. 6, p. 337-345, dez. 1987 .
ISSN 0036-4665 (Sherpa/Romeo, fator de impacto)
Publicador Instituto de Medicina Tropical
Extensão 337-345
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0036-46651987000600002
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
Web of Science WOS:A1987L777000002
SciELO S0036-46651987000600002 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/225

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0036-46651987000600002.pdf
Tamanho: 876.7KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta