Análise comparativa da reação inflamatória e da morfometria do colágeno precoces e tardias entre as telas de polipropileno, polipropileno + poliglactina e polipropileno + titânio

Análise comparativa da reação inflamatória e da morfometria do colágeno precoces e tardias entre as telas de polipropileno, polipropileno + poliglactina e polipropileno + titânio

Título alternativo Comparative analysis between polypropylene,polypropylene + poliglactin and polypropylene + titanium meshes: early and late inflammatory response and collagen deposition
Autor Pereira-Lucena, Cristina Gama Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Linhares, Marcelo Moura Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivo: avaliar a resposta inflamatoria serica e tecidual, alem da morfometria do colageno nas telas de alta densidade de polipropileno e de baixa densidade de polipropileno + poliglactina e polipropileno + titanio, nos periodos precoce e tardio de pos-operatorio. Metodo: trinta ratos machos Wistar, foram alocados aleatoriamente em grupos de 10. No grupo A, foi posicionada uma tela de polipropileno de alta densidade. Nos grupos B e C, implantaram-se telas de baixa densidade, em associacao com poliglactina e titanio, respectivamente. No pre-operatorio imediato e nos 1ºDPO (dia de pos-operatorio) e 7ºDPO, foram dosados as citocinas sericas: VEGF (fator de crescimento endotelial vascular), IL6 (interleucina 6), TNF&#945; (fator de necrose tumoral alfa) e IL10 (interleucina 10). No 7ºDPO, realizou-se a eutanasia dos ratos com biopsia de fragmento central no sitio de insercao da tela. Usaram-se as coloracoes hematoxilina-eosina (HE) e tricromico de Masson para a analise histologica da reacao inflamatoria atraves de escala objetiva de pontos. Para a morfometria do colageno usou-se a coloracao pricrosirius, sob luz polarizada, com leitura pelo programa de computador Image Tool. Estudou-se tambem a expressao imunohistoquimica do VEGF e da COX2 (cicloxigenase2), marcadores classicos da inflamacao. Os resultados obtidos foram comparados aqueles provenientes de um estudo anterior, realizado com a mesma metodologia pelo nosso grupo, no qual os parametros ja descritos foram avaliados no 40ºDPO. As ferramentas estatisticas empregadas foram a Analise de Variancia (ANOVA), o metodo de Tukey, alem dos testes de Kruskal-Wallis, Mann-Whitney e t de Student. Nivel de significancia &#945; igual a 5%. Software utilizado: Statistical Package for the Social Sciences (SPSS) versao 19.0 for Windows, R-Program versao 2.11.1. Resultados: Nao houve diferencas estatisticamente significantes nas dosagens de citocinas. No 7º DPO a reacao inflamatoria tecidual foi similar entre os grupos. O grupo A apresentou maior expressao imunohistoquimica do VEGF (p<0,001) e da COX2 (p<0,001), alem da maior deposicao de colageno (p=0,03). O grupo B apresentou menor expressao do VEGF e da COX2 e deposicao de colageno menos intensa. O grupo C apresentou resultados intermediarios. Comparando-se os periodos precoce e tardio, observou-se: semelhante reacao inflamatoria tecidual entre os periodos estudados, nos grupos A e C, e aumento no grupo B (p<0,001) no 40ºDPO; reducao da expressao do VEGF em todos os grupos tardiamente (p<0,001); reducao da COX2 no tecido no grupo A (p=0,011) e niveis semelhantes nos grupo B e C no 40ºDPO; reducao da deposicao de colageno tardiamente (p<0,001), porem mantendo-se mais intensa no grupo A. Conclusoes: 1 u Todas as telas apresentaram semelhanca nos niveis sericos de citocinas e escores da analise histologica da reacao inflamatoria precocemente. 2 u A tela de polipropileno + poliglactina, apresentou acentuacao do processo inflamatorio no 40ºDPO, menor expressao de VEGF e COX2 no tecido e menor deposicao de colageno precoce e tardiamente. 3 - Houve maior expressao do VEGF e da COX2, alem da deposicao do colageno mais intensa e organizada, na tela de polipropileno de alta densidade tanto precoce e tardiamente. 3 - A tela de baixa densidade de polipropileno + titanio apresentou resultados intermediarios em relacao as demais, com reducao da expressao do VEGF e manutencao do processo inflamatorio tardiamente
Palavra-chave Hérnia
Telas cirúrgicas
Colágeno
Inflamação
Fator A de crescimento do endotélio vascular
Ciclo-oxigenase 2
Idioma Português
Data de publicação 2012
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2012. 78 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 78 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/22382

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta