Efeitos da ayahuasca na memoria emocional de ratos

Efeitos da ayahuasca na memoria emocional de ratos

Título alternativo Effects of ayahuasca on emotional memory in rats
Autor Silva, Daiana Aparecida da Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Oliveira, Maria Gabriela Menezes Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Psicobiologia – São Paulo
Resumo A ayahuasca e uma palavra da lingua nativa americana Quechua comumente traduzida como cipo das almas. E uma decoccao alucinogena preparada com plantas psicoativas. O cha contem N, N-dimetiltriptamina (DMT), um potente agente psicodelico proveniente da Psychotria viridis e tambem contem os alcaloides β-carbolinicos contidos na Banisteriopsis caapi. Estas carbolinas β- carbolinas inibem a enzima monoaminaoxidase e, desta maneira as β-carbolinas protegem DMT de ser degradada. Assim, DMT e capaz de atravessar a barreira hematoencefalica, se liga a receptores 5-HT2, exercendo o seu efeito. Estudos mostram que os voluntarios relataram um estado altamente emocional e, correspondentemente, a inGestão da ayahuasca causou uma elevada atividade cerebral na amigdala e giro parahipocampal, estruturas envolvidas na aprendizagem emocional e memoria. Utilizando os modelos de condicionamento de medo ao contexto e ao som, nos verificamos se a administracao oral de ayahuasca antes, imediatamente apos a o treino, e a manipulacao farmacologica pre-teste poderia interferir com os processos mnemonicos. Os nossos resultados mostraram que as administracoes das doses 250, 500 ou 750 mg/kg nao afetaram a aquisicao das tarefas de CMC e CMS. Diferentes doses de ayahuasca (50 ou 500 mg/kg) administradas imediatamente apos o treino nao afetaram a consolidacao do CMC. Alem disso, as doses 50 e 500 mg/kg nao alteraram a consolidacao do CMS. A administracao pre-teste de ayahuasca (50 e 500 mg/kg) nao alterou o teste de evocacao 1 em ambas as tarefas (CMC/CMS), e nem o teste de evocacao 2 para o CMS. No entanto, a administracao pre-teste de ayahuasca 500 mg/kg causou um decrescimo significativo no comportamento de congelamento dos ratos do teste de evocacao 1 para o teste 2, na tarefa de condicionamento de medo ao contexto. Estes resultados sugerem que a ayahuasca pode facilitar a extincao da memoria aversiva dependente principalmente do hipocampo e possivelmente da amigdala
Palavra-chave Animais
Banisteriopsis
N,N-Dimetiltriptamina
Psychotria
Condicionamento Clássico
Medo
Ratos
Animais
Idioma Português
Data de publicação 2012
Publicado em SILVA, Daiana Aparecida da. Efeitos da ayahuasca na memória emocional de ratos. 2012. 65 f. Dissertação (Mestrado) -Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo. São Paulo, 2012.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 65 p.
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/22380

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Tese-13585.pdf
Tamanho: 1.662MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta