Ressonancia magnetica de corpo total com difusao comparada a tomografia por emissao de positrons com 2-[18F]-fluoro-2-deoxi-D-glicose associada a tomografia computadorizada no estadiamento de pacientes com linfoma: revisao sistematica e meta-analise

Mostrar registro simples

dc.contributor.author Regacini, Rodrigo [UNIFESP]
dc.date.accessioned 2015-12-06T23:45:39Z
dc.date.available 2015-12-06T23:45:39Z
dc.date.issued 2012
dc.identifier.citation São Paulo: [s.n.], 2012. 42 p.
dc.identifier.uri http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/22301
dc.description.abstract Objetivo: comparar a ressonancia magnetica de corpo inteiro (WB-MRI) com difusao com a tomografia por emissao de positrons com 2-[18F]-fluoro-2-deoxi-D-glicose associada a tomografia computadorizada (FDG-PET/CT), avaliando sua capacidade de estabelecer o estadiamento inicial correto, em relacao a um padrao de referencia clinico radiologico, por meio de revisao sistematica e meta-analise. Metodos: A procura por publicacoes foi conduzida nos bancos de dados da Medline via PubMed, Embase e Scopus em busca de estudos relevantes comparando a WB-MRI com a FDG-PET/CT no estadiamento do linfoma que foram publicados ate Agosto de 2012. As referencias bibliograficas dos estudos incluidos foram checadas com a finalidade de encontrar citacoes adicionais potencialmente relevantes. A avaliacao da qualidade e a extracao dos dados foram realizadas por 2 revisores independentes. Resultados: foram incluidos 5 estudos que avaliaram o estadiamento inicial do linfoma de 93 pacientes. A WB-MRI e a FDG-PET/CT concordaram em 88,2% deles (&#954; = 0,838; p<0,0001). Na maioria dos estudos, quando houve discordancia entre os metodos, a WB-MRI estabeleceu um estadiamento superior a FDG-PET/CT. A sensibilidade da WB-MRI e da FDG-PET/CT, em relacao ao padrao clinico radiologico, variou de 59 a 100% e de 63 a 95%, respectivamente. Conclusao: a WB-MRI apresenta alta sensibilidade no estadiamento inicial do linfoma, com uma excelente concordancia em relacao a FDG-PET/CT, representando uma alternativa de melhor custo-beneficio no manejo desses pacientes pt
dc.format.extent 42 p.
dc.language.iso por
dc.publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.rights Acesso restrito
dc.subject RESPECTROSCOPIA DE RESSONANCIA MAGNETICA pt
dc.subject Imagem Corporal Total pt
dc.subject Imagem Multimodal pt
dc.subject Doença de Hodgkin pt
dc.subject Linfoma não Hodgkin pt
dc.title Ressonancia magnetica de corpo total com difusao comparada a tomografia por emissao de positrons com 2-[18F]-fluoro-2-deoxi-D-glicose associada a tomografia computadorizada no estadiamento de pacientes com linfoma: revisao sistematica e meta-analise pt
dc.title.alternative Whole-body diffusion-weighted MRI compared with FDG-PET/CT in staging of lymphoma patients: systematic review and meta-analysis en
dc.type Tese de doutorado
dc.identifier.file epm-2121915392461.pdf
dc.description.source BV UNIFESP: Teses e dissertações
unifesp.campus Universidade Federal de São Paulo, Escola Paulista de Medicina, Programa de Pós-graduação em Radiologia e Ciências Radiologicas pt



Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro simples