Pseudoxantoma elastico

Pseudoxantoma elastico

Título alternativo Pseudoxanthoma elasticum: molecular study of changes in the ABCC6 gene in Brazilian families
Autor Faria, Caroline Silverio Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Introdução: Pseudoxantoma elastico (PXE) e uma doenca genetica rara caracterizada pela fragmentacao e mineralizacao de fibras elasticas em diferentes orgaos como pele, olhos e sistema cardiovascular. As lesoes cutaneas sao papulas, placas amareladas e pele frouxa no pescoco, axilas e virilha. Os pacientes apresentam estrias angioides, neovascularizacao coroidal, hemorragias retinianas causando grave perda de visao. Problemas cardiovasculares e hemorragias sao potencialmente fatais. A incidencia de PXE e 1:25,000-100,000 com maior frequencia em mulheres com uma proporcao de 2,3 / 1 para o sexo masculino. O PXE e herdado de forma autossomica recessiva, devido a mutacoes no gene ABCC6. Individuos heterozigotos podem manifestar sinais/ sintomas da doenca e possuem risco cardiovascular aumentado. Nao ha relatos de estudos geneticos em familias brasileiras com PXE. Estudos utilizando DNA de saliva aplicado a tecnica de MLPA nao foram relatados. Objetivos: O presente trabalho teve como objetivos investigar mutacoes do gene ABCC6 em familias brasileiras com PXE, verificar a aplicabilidade de tecnicas moleculares, como o MLPA (Multiplex Ligation - dependent Probe Amplification) em DNA extraido de saliva, e verificar a correlacao dos resultados moleculares com as alteracoes clinicas dos individuos estudados. Casuistica e Metodos: Foram estudados 65 individuos, nove pacientes e 56 familiares de cinco familias de diferentes regioes do Brasil, por meio de tecnicas moleculares de MLPA, PCR especifica para deteccao da del23-29 e sequenciamento utilizando DNA extraido de saliva. Resultados: Os resultados mostraram diferentes tipos de mutacoes no gene ABCC6 incluindo del23-29, p.R1339C, p.W1324X, 346-6G>A, p.Q363P, p.R518Q, p.G1296D, p.R1141X e p.E1400K, confirmando o diagnostico molecular de PXE em sete dos nove pacientes e detectando 25 individuos heterozigotos. Conclusao: Os testes moleculares revelaram mutacoes distintas nas familias estudadas. O DNA de saliva mostrou-se um metodo adequado e uma boa alternativa ao sangue periferico. A tecnica de MLPA permite uma triagem para deteccao de delecoes no gene ABCC6, sendo uma boa alternativa a PCR especifica para deteccao da del23-29. A tecnica de sequenciamento foi complementar para a deteccao de mutacoes pontuais elucidando o diagnostico molecular dos pacientes e revelacao dos individuos heterozigotos. A utilizacao de ao menos duas tecnicas moleculares e importante para identificar mutacoes distintas no gene ABCC6. A heterogeneidade alelica e variabilidade clinica encontrada nas familias estudadas dificultam uma correlacao genotipo-fenotipo. A deteccao das mutacoes no gene ABCC6 e importante para acompanhamento clinico adequado visando a prevencao de complicacoes relacionadas a doenca e fornece informacoes para realizacao de aconselhamento genetico
Palavra-chave Humanos
Pseudoxantoma Elástico
Mutação
Saliva
Família
Brasil
Humanos
Idioma Português
Data de publicação 2012
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2012. 128 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 128 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/22199

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta