Efeitos da pentoxifilina na lesao pulmonar induzida por isquemia-reperfusao intestinal

Efeitos da pentoxifilina na lesao pulmonar induzida por isquemia-reperfusao intestinal

Título alternativo Effects of pentoxifylline on lung injury induced by intestinal ischemia-reperfusion
Autor Marqui, Carlos Eduardo Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo OBJETIVO: Avaliar os efeitos protetores da pentoxifilina (PTX) na lesao pulmonar observada apos isquemia (I) seguida de reperfusao (R) intestinal. METODOS: Vinte e oito ratos machos, Wistar (EPM-1), foram operados sobre anestesia com quetamina (80 mg/kg) e xilazina (10 mg/kg). Apos atingirem o plano anestesico realizamos uma laparotomia para a exposicao da arteria mesenterica superior e outra incisao na virilha para a exposicao da veia femoral (infusao de drogas e solucao salina). Os animais foram divididos aleatoriamente (por sorteio) em quatro grupos experimentais, sendo: (1) Sham: animais operados e apenas manipulados; (2) SS+I+SS+R: isquemia intestinal realizada pelo clampeamento da arteria mesenterica superior durante 60 minutos, com a administracao de solucao salina (SS) 5 minutos antes do periodo de isquemia, e outra dose de (SS) 5 minutos antes da retirada do clamp e em seguida houve a reperfusao por mais 120 minutos; (3) PTX+I+PTX+R: 5 minutos antes da isquemia os animais receberam uma dose de PTX (25 mg/kg), e 5 minutos antes da reperfusao foi administrada uma nova dose de PTX; (4) PTX+I+PTX+R+PTX: 5 minutos antes da isquemia foi administrado PTX, apos 55 minutos de isquemia foi administrado outra dose de PTX e a reperfusao mantida por mais 120 minutos, sendo que aos 60 minutos da reperfusao outra dose de PTX foi administrada. Ao final do experimento os animais foram eutanasiados e imediatamente realizamos uma toracotomia para a retirada do pulmao, coracao e das estruturas mediastinais. Os pulmoes foram pesados e prosseguimos com a realizacao do lavado bronco-alveolar para a dosagem de proteinas totais, seguida o lobo superior direito foi removido para dosagem de malondialdeido, atividade da mieloperoxidase e fator de necrose tumoral-alfa, uma parte do lobo esquerdo foi utilizado para a avaliacao da expressao genica de fator de necrose tumoral-alfa. RESULTADOS: Nossos resultados demonstraram que a pentoxifilina reduziu os marcadores de lesao pulmonar (proteinas totais, malondialdeido, atividade da mieloperoxidase e fator de necrose tumoral) quando comparada com o grupo nao tratado (P<0,001), contudo esta reducao foi mais significante no grupo PTX+I+PTX+R+PTX. CONCLUSAO: A pentoxifilina exerce efeito protetor no pulmao no trauma causado por isquemia-reperfusao intestinal
Palavra-chave Animais
Lesão Pulmonar
Traumatismo por Reperfusão
Pentoxifilina
Estresse Oxidativo
Ratos Wistar
Animais
Idioma Português
Data de publicação 2011
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2011. 91 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 91 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/22166

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta