Avaliação da infiltração das articulações zigoapofisárias na síndrome facetária

Avaliação da infiltração das articulações zigoapofisárias na síndrome facetária

Título alternativo Effectiveness of facet joint injection in low back pain. A randomised controlled trial
Autor Ribeiro, Luiza Helena Coutinho Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Natour, Jamil Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo OBJETIVOS: Avaliar a efetividade da infiltracao zigoapofisaria na melhora da dor, da capacidade funcional e da qualidade de vida de pacientes com diagnostico de sindrome facetaria. MATERIAL E METODOS: Foram incluidos no estudo pacientes entre 18 e 65 anos com diagnostico de lombalgia de etiologia facetaria: dor com duracao maior que tres meses, localizada em regiao lombar e/ou glutea com ou sem irradiacao ate coxa e dor a extensao da coluna. Os achados clinicos deveriam estar associados aos achados degenerativos na articulacao zigoapofisaria no Raio-X simples da coluna lombar. Os pacientes foram randomizados atraves de tabuas de randomizacao em dois grupos: grupo experimental e grupo controle. No grupo experimental foi realizada infiltracao com triancinolona hexacetonida das seis articulacoes zigoapofisarias: L3/L4; L4/L5 e L5/S1, guiada por radioscopia. O grupo controle foi submetido a injecao intramuscular de acetato de triancinolona em seis pontos da musculatura paravertebral. As avaliacoes foram realizadas, imediatamente antes da randomizacao e em seguida uma, quatro, doze e vinte e quatro semanas apos as intervencoes. Instrumentos utilizados: escala visual analogica de dor: espontanea e a extensao da coluna; Rolland Morris; SF-36; escala de melhora pos-procedimento; contabilidade do consumo de paracetamol e diclofenaco. Analise estatistica: homogeneidade da amostra foi analisada utilizando os testes de: qui quadrado (variaveis categoricas) e T Student (variaveis numericas). Para analise intragrupo foi realizada a analise de variancia com medidas repetidas (ANOVA) para comparacoes ao longo do tempo e o teste T- Student para comparacao tempo a tempo. Foi considerado como estatisticamente significante um valor de p>0,05. RESULTADOS: A amostra foi considerada homogenea em relacao as caracteristicas clinicas, demograficas e nas avaliacoes iniciais. Ambos os grupos apresentaram melhora ao longo do tempo. A comparacao entre os grupos demonstrou uma melhora estatisticamente significante ao longo do tempo no grupo experimental em relacao ao controle no dominio oaspecto fisicoo do SF-36, alem do menor consumo de antiinflamatorios. A comparacao entre os grupos na analise tempo a tempo demonstrou ainda uma melhora significativa no grupo experimental na capacidade funcional, na escala percentual de melhora e na resposta ao tratamento, avaliada pela escala de Likert. CONCLUSOES: a infiltracao intra-articular se mostrou um pouco mais efetiva do que o CE sistemico. A melhora foi observada nos aspecto fisicos, relacionados a qualidade de vida, e na reducao do consumo de diclofenaco, sendo tambem observado em algumas avaliacoes pontuais da capacidade funcional, na evolucao da dor e no percentual de melhora da dor
Palavra-chave Humanos
Dor lombar/terapia
Articulação zigapofisária
Corticosteroides
Esteroides
Idioma Português
Data de publicação 2012
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2012. 100 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 100 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/22147

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta