Uma arquitetura para ambientes ubiquos de aprendizagem

Uma arquitetura para ambientes ubiquos de aprendizagem

Título alternativo An architecture for ubiquitous learning environments: development and evaluation of professional practice module of the UFSCar Medicine course
Autor Forte, Marcos Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Introdução: Nos cursos de medicina e enfermagem o uso de portfolios reflexivos, como uma ferramenta pedagogica, esta se tornando uma pratica comum, e a tendencia e que esses portfolios migrem gradualmente do papel para versoes eletronicas que oferecem vantagens no acesso e recuperacao de informacoes. No entanto, as atuais abordagens de portfolios reflexivos eletronicos nao operam adequadamente em ambientes externos, onde as redes de dados sao limitadas ou inexistentes, e tambem sao restritas a determinadas categorias de dispositivos de acesso. Considerando que as atividades de aprendizado desses cursos ocorrem em diversos tipos de ambientes, essas defiCiências restringem a adocao de portfolios reflexivos eletronicos. Objetivos: Desenvolver e avaliar uma versao eletronica do portfolio reflexivo utilizado durante as atividades da Unidade Educacional de Pratica Profissional (UEPP) do curso de Medicina da Universidade Federal de Sao Carlos (UFSCar), denominado Modulo de Pratica Profissional (MPP), sendo que essa versao deve operar independentemente da disponibilidade de uma rede de dados e ser implantada em diversos dispositivos moveis e fixos. Definir uma arquitetura, e as tecnologias necessarias, para o desenvolvimento de aplicacoes para ambientes ubiquos de aprendizagem. E avaliar a percepcao dos usuarios sobre varios aspectos relacionados ao uso desse modulo e do uso de um netbook como dispositivo de acesso. Metodos: Para o levantamento de requisitos do MPP foram realizadas observacoes em campo e de reunioes de pequeno grupo, aplicacao de um questionario e analise de um portfolio em papel. Para a elaboracao desse modulo foi desenvolvida uma arquitetura e empregadas tecnologias Web que permitem ao MPP se adaptar a uma grande diversidade de dispositivos. Na etapa de avaliacao, o MPP foi utilizado durante cinco meses por um grupo de estudantes do segundo ano do Curso de Medicina da UFSCar na Unidade Educacional de Pratica Profissional desse curso, sendo aplicados dois questionarios durante esse periodo. Resultados: A maioria dos estudantes prefere usar o MPP nas atividades internas e em grupo, mas prefere usar papel durante o atendimento as pessoas cuidadas, e as caracteristicas de hardware e software do dispositivo de acesso influenciam nessa preferencia. Conclusoes: O MPP desenvolvido provou ser funcional em ambientes desprovidos de rede de dados, e capaz de se adaptar a diferentes dispositivos de acesso, e que a percepcao de utilidade do MPP e influenciada pelo ambiente de aprendizagem
Palavra-chave Atitude Frente aos Computadores
Computadores de Mão
Aprendizagem Baseada em Problemas
Estratégia Saúde da Família
Sistemas de Computação
Educação de Graduação em Medicina
Prática Profissional
Idioma Português
Data de publicação 2012
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2012. 115 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 115 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/22117

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta