Adaptacao cultural e reprodutibilidade do Breathing Problems Questionnaire (BPQ) em pacientes portadores de doenca pulmonar obstrutiva cronica no Brasil

Adaptacao cultural e reprodutibilidade do Breathing Problems Questionnaire (BPQ) em pacientes portadores de doenca pulmonar obstrutiva cronica no Brasil

Título alternativo Cultural adaptation and reproducibility of Questionnaire Breathing Problems (BPQ) in a patient with chronic obstructive pulmonary disease in Brazil
Autor Silva, Patricia Nobre Calheiros da Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Introdução: O reconhecimento da Doenca Pulmonar Obstrutiva Cronica (DPOC) e muito baixo entre a populacao. Ambos os fumantes e ex-fumantes ignoram os principais sintomas, como tosse e expectoracao. Tornando-se preocupante a dificuldade de acesso ao diagnostico e de integracao em programas de apoio e reabilitacao. Dessa forma, busca de novas ferramentas para o monitoramento da qualidade de vida relacionada a Saúde (QVRS) desses pacientes, bem como o impacto de problemas respiratorios em suas atividades diarias. O Questionario de Problemas Respiratorios e um questionario de qualidade de vida especifico para doenca pulmonar cronica desenvolvido a partir das experiencias de pacientes com DPOC, compondo 13 areas, duas subescalas de Saúde e 33 perguntas. Quanto maior a pontuacao, maior o impacto de problemas respiratorios na qualidade de vida.Objetivo: Adaptar para a cultura brasileira e avaliar a reprodutibilidade do Breathing Problems Questionnaire (BPQ) em pacientes com doenca pulmonar obstrutiva cronica e avaliar as correlacoes com outros questionarios de qualidade de vida e variaveis fisiologicas.Metodos: Foi realizada a adaptacao para a cultura brasileira por meio de uma primeira traducao por um tradutor com dominio na lingua inglesa, posteriormente foi aplicado em 8 pacientes visando saber suas duvidas e dificuldades. O questionario foi analisado por uma comissao de experts e definido sua versao final. Foi realizada uma nova traducao para o ingles por um segundo tradutor tambem conhecedor da lingua inglesa e essa versao final foi enviada para o autor original com intuito de assegurar o sentido original do questionario. Apos a aprovacao final do autor, foi avaliada a reprodutibilidade com 50 pacientes portadores de DPOC.Resultados: O tempo medio de resposta foi 9min e 30 seg. Dos 50 pacientes que fizeram a reprodutibilidade, 21 eram do sexo feminino e 29 do sexo masculino com media de idade de 65,8 + 7,5 anos. A maioria se encontrava no estagio II (29,16%) e III (52%) da DPOC segundo o Documento GOLD. O coeficiente de correlacao intraclasse para a pontuacao total foi de 0,94. Os 11 dominios do BPQ e as suas duas subescalas tambem tiveram valor de CCI acima de 0,70. Houve correlacoes moderadas entre os dominios e subescalas do BPQ com os dominios Sintomas, Atividade do SGRQ e todos os dominios do SF-36. As melhores correlacoes obtidas foram com o dominio Impacto e pontuacao do SGRQ. Conclusao: A versao brasileira do questionario BPQ e reprodutivel para a cultura brasileira
Palavra-chave Humanos
Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica
Qualidade de Vida
Comparação Transcultural
Questionários
Humanos
Idioma Português
Data de publicação 2010
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2010. 101 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 101 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/22052

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta