Identificacao de parametros de qualidade de impressao para a garantia da deteccao de sinais presentes na mamografia digital

Identificacao de parametros de qualidade de impressao para a garantia da deteccao de sinais presentes na mamografia digital

Título alternativo Hardcopy quality parameters identification to the assurance of signals detection on digital mammography
Autor Goto, Rafael Eidi Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivo: Propor procedimentos para garantir a constancia da qualidade de impressaodas imagens radiologicas digitais, por meio de analise qualitativa e quantitativa das imagens impressas, baseado em testes de qualidade recomendados internacionalmente e com o uso de um padrao de imagem proposto no presente trabalho. Metodologia: Inicialmente foram estudadas as caracteristicas dos filmes especificos para mamografia (DI-ML) e para propositos gerais (DI-HL), e comparados os desempenhos dos filmes DI-ML com datas de validade proximas e distante do vencimento com base no teste de qualidade de impressao proposto pelo fabricante, o QC-Test. Foi desenvolvida uma proposta de padrao de imagem constituida por uma escala de enegrecimento de 33 passos e barras verticais e horizontais de alto contraste de 1 a 30 pares de linha por centimetro e realizados testes de qualidade da impressao em filme mamografico e para propositos gerais utilizando a impressora FujiFilm DryPix 4000. A imagem foi digitalizada no scanner da Lumisys, Lumiscan 75 e sua qualidade avaliada por meio das funcoes disponiveis no software ImageJ.Resultados: Filmes especificos para mamografia apresentaram valores de densidade optica maxima superiores aos filmes comuns (4,11 contra 3,22) e filmes com validade proxima ao vencimento tiveram uma reducao de 15% do grau de enegrecimento maximo. O metodo permitiu quantificar a distorcao das bordas pelo processo de impressao-digitalizacao causando perda de informacoes de ate 4 pixels considerando 5%, entre o sinal da imagem digital e digitalizada, e ate 75% de reducao do alto contraste em 30 pares de linha por centimetro. Conclusoes: O QC-Test deve ser utilizado para rastreabilidade do processo de impressao, ja que nao e possivel a determinacao de parametros quantitativos teoricamente fundamentados para avaliacao da qualidade. Os filmes DI-ML apresentam uma pequena vantagem em relacao aos filmes DI-HL em niveis de contraste e deteccao de sinais e, em funcao de seu elevado custo, deve-se realizar uma avaliacao custo beneficio para justificar sua utilizacao. Propoe-se a combinacao de testes recomendados por esses organismos (NEMA, AAPM, IAEA), associado com a imagem proposta neste trabalho para a avaliacao da constancia da qualidade de impressao das imagens radiologicas
Palavra-chave Impressão
Controle de Qualidade
Sensibilidades de Contraste
Mamografia
Idioma Português
Data de publicação 2012
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2012. 91 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 91 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/22020

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta