Estudo da efetividade da intervenção breve para o uso de álcool e outras drogas em adolescentes atendidos num serviço de assistência primária à saúde

Estudo da efetividade da intervenção breve para o uso de álcool e outras drogas em adolescentes atendidos num serviço de assistência primária à saúde

Título alternativo Study on the effectiveness of brief intervention for alcohol and other drug use directed to adolescents in a primary health care unit
Autor De Micheli, Denise Autor UNIFESP Google Scholar
Fisberg, Mauro Autor UNIFESP Google Scholar
Souza-Formigoni, Maria Lucia Oliveira de Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo OBJECTIVE: The main purpose of this study was to evaluate the effectiveness of a brief intervention and a preventive orientation on the use of alcohol and other drugs directed towards adolescents. METHODS: Ninety nine youths who sought medical assistance in an out patient service specialized in adolescents were classified, according to their level of consumption of substances, into users during the last month (UM) or non users during the last month (NUM). Each of these was divided into four groups: a control group of users in the last month (COUM), a control group of non users in the last month (CONUM), a Brief Intervention group (BI -in case they were regular users) and a Preventive Orientation group (PO - in case they were non users in the last month). The preventive orientation lasted 2-3 minutes and the brief intervention took about 20 minutes, both followed a structured schedule. All participants were followed-up and evaluated for a 6 months period. RESULTS: In the 6-month follow-up, a significant increase in cannabis, alcohol and tobacco consumption, as well as in the intensity of related-problems, was observed in the CONUM group. The increase of alcohol and tobacco consumption observed in the PO group had a significantly lesser frequency and lower intensity than in the CONUM group. Moreover, no increase in cannabis consumption was observed in this group. The BI group showed a significant reduction in the number of users during the last month with respect to most substances, as well as in relation to substance-related problems. CONCLUSION: Our results confirm that a single brief intervention session is effective in reducing consumption of psychoactive substances in adolescents. Although influence of other factors could not be discarded, preventive orientation reduced the increase of cannabis consumption but increased use of tobacco and alcohol. Further and more in depth studies are required to evaluate the usefulness of preventive programs on alcohol and other drug consumption, in order to bring to light more effective and comprehensive approaches.

OBJETIVOS: O principal objetivo deste estudo foi avaliar a efetividade de uma intervenção breve e de uma orientação preventiva do uso de álcool e/ou outras drogas, dirigidas a adolescentes. MÉTODOS: Noventa e nove adolescentes que buscaram atendimento médico em um serviço ambulatorial especializado no atendimento de adolescentes foram divididos de acordo com seus níveis de consumo de substâncias em usuários no último mês (UM) e não usuários no último mês (NUM). Cada um destes grupos foi dividido em dois: um grupo controle de usuários no último mês (COUM), um grupo controle de não usuários no último mês (CONUM), um grupo que receberia Intervenção Breve no caso de serem usuários no mês (UM-IB) e um grupo que receberia Orientação Preventiva no caso de serem não usuários no mês (NUM-OP), totalizando quatro grupos. A orientação preventiva teve duração de 2 a 3 minutos e intervenção breve de 20 minutos, sendo realizada segundo roteiro pré-estruturado. Todos os participantes foram novamente avaliados após seis meses. RESULTADOS: No seguimento realizado ao final de seis meses, observou-se um aumento significativo na prevalência de consumo de maconha, álcool e tabaco bem como na intensidade de problemas e comportamentos de risco no grupo CONUM. No grupo NUM-OP, embora também tenha sido observado aumento na prevalência de consumo de drogas lícitas (álcool e tabaco), este foi significativamente menor em freqüência e intensidade do que o observado no grupo CONUM. Além disso, neste grupo não ocorreu aumento no uso de maconha. No grupo de adolescentes usuários no último mês que receberam Intervenção Breve (UM-IB), observou-se redução significativa na proporção de usuários em relação à maioria das substâncias avaliadas, bem como redução na intensidade dos problemas e comportamentos de risco. CONCLUSÃO: Nossos resultados confirmam a efetividade de uma sessão única de intervenção breve dirigida a adolescentes usuários de substâncias psicoativas na redução do consumo de substâncias. Embora outros fatores possam ter também contribuído para isto, a orientação preventiva parece ter reduzido o aumento no consumo de maconha, mas aumentado o de álcool e tabaco. São necessários estudos mais aprofundados sobre a efetividade de programas de prevenção do uso de álcool e outras drogas, a fim de que se desenvolvam abordagens mais abrangentes e eficazes.
Palavra-chave Adolescents
Psychoactive drug use
Treatment
Effectiveness
Brief intervention
Prevention
Adolescentes
Uso de substâncias psicoativas
Tratamento
Efetividade
Intervenção breve
Prevenção
Idioma Português
Data de publicação 2004-09-01
Publicado em Revista da Associação Médica Brasileira. Associação Médica Brasileira, v. 50, n. 3, p. 305-313, 2004.
ISSN 0104-4230 (Sherpa/Romeo)
Publicador Associação Médica Brasileira
Extensão 305-313
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0104-42302004000300040
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0104-42302004000300040 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/2202

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0104-42302004000300040.pdf
Tamanho: 123.6KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta