Programação materna em camundongas prenhes submetidas ao exercício físico

Programação materna em camundongas prenhes submetidas ao exercício físico

Título alternativo Maternal programming in pregnancy mice submitted to physical exercise
Autor Fernandes, Leandro Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador D'Almeida, Vânia Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Psicobiologia – São Paulo
Resumo Sabe-se que o exercicio fisico regular proporciona uma serie de beneficios ao praticante. Em contrapartida, a interrupcao de um programa de exercicios fisicos em animais de experimentacao e humanos tem sido associada ao ganho rapido de massa gorda e outras alteracoes metabolicas. Diante disso, verificamos como o treinamento de natacao (T) (5 vezes/semana, 1 h/dia) de camundongas antes da fecundacao, durante a prenhez e lactacao afeta o perfil metabolico, molecular e comportamental de sua prole. Tambem investigamos o efeito do destreinamento durante a prenhez e lactacao. Quatro grupos de filhotes foram formados: um que o T foi mantido durante a prenhez e lactacao (PT); o segundo que as maes foram submetidas ao destreinamento na prenhez (PDP); o terceiro que as maes foram submetidas ao destreinamento na lactacao (PDL) e; um grupo controle (PCT) de maes nao treinadas. Em todos os grupos foram analisados parametros metabolicos, moleculares e comportamentais. Femeas e machos responderam de maneira distintas nas diversas analises. O grupo PDP apresentou reducao do peso corporal no dia pos natal 3 (DPN3), aumento da massa do figado em valores absolutos e relativos, aumento na concentracao total de colesterol, triglicerides e lactato, alem de apresentar diminuicao na expressao dos genes NPY, CART, pre-α-MSH e aumento da expressao de leptina, mostrando-se o grupo mais sensivel as alteracoes metabolicas. O grupo PDL, apresentou maior ansiedade no Novelty Supressed Feeding Test (NSFT) tanto em femeas quanto em machos, se mostrando o grupo mais responsivo a alteracoes comportamentais, alem de apresentar modificacoes na expressao genica. O treinamento em todas as etapas do desenvolvimento foi eficaz no controle do peso corporal e diminuiu a concentracao plasmatica de insulina no grupo PT. Nossos dados sugerem que o exercicio fisico e a interrupcao deste produzem alteracoes em sentido oposto no ambiente intrauterino que podem resultar em longo prazo em modificacoes metabolicas e comportamentais
Palavra-chave Animais
Natação
Prenhez
Metabolismo
Hipotálamo
Camundongos
Animais
Idioma Português
Data de publicação 2012
Publicado em FERNANDES, Leandro. Programação materna em camundongas prenhes submetidas ao exercício físico. 2012. 113 f. Dissertação (Mestrado) – Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo. São Paulo, 2012.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 113 p.
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/21907

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Tese-13091.pdf
Tamanho: 676.5KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta