Tratamento para ausencia congenita de dentes incisivos laterais em adolescentes e adultos

Tratamento para ausencia congenita de dentes incisivos laterais em adolescentes e adultos

Título alternativo Treatment for congenital absence of teeth lateral incisors jaw for teens and adults: a systematic review with Cochrane Methodology
Autor Andrade, Doris Camargo Martins de Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Antecedentes: anodontia e a ausencia congenita dos dentes que pode ocorrer em todos ou alguns dentes (anodontia parcial ou hipodontia), envolver as duas denticoes ou apenas dentes da denticao permanente. A anodontia de pelo menos, um dente permanente e a mais frequente anomalia dentaria e pode contribuir para a disfuncao mastigatoria, alteracao da fala, problemas esteticos, alem de ma oclusao. Ha muita controversia na literatura sobre a melhor opcao de tratamento para anodontia de incisivos laterais. Objetivos: testar a hipotese nula de que nao existem diferencas nos desfechos positivos e indesejaveis entre as intervencoes: (1) tratamento ortodontico para fechar o espaco e substituicao pelo dente canino remodelado, (2) tratamento ortodontico para abrir o espaco e colocar de ponte fixa convencional, (3) tratamento ortodontico para abrir o espaco e coloca um implante unitario e uma protese para corrigir anodontia de incisivos laterais maxilares versus a hipotese alternativa de que existem diferencas. Criterio para considerar estudos para esta revisao: foram pesquisados ensaios no Cochrane Oral Health Group's Register, registro central de ensaios controlados da Cochrane (CENTRAL), MEDLINE, EMBASE, LILACS/BBO. Para a literatura cinzenta, foram pesquisados resumos de conferencias, dissertacoes, teses, registros de ensaios clinicos e relatorios tecnicos. A busca manual incluiu diversos periodicos odontologicos. As referencias bibliograficas dos ensaios clinicos identificadas foram verificadas, para ver se havia referencias a parte dos periodicos pesquisados manualmente. Os primeiros autores nomeados de todos os artigos longitudinais e controlados foram contatados por e-mail. Nenhuma restricao de idioma foi aplicada. A ultima busca eletronica foi realizada em setembro de 2009. Criterios de Selecao: Todos os ensaios controlados randomizados (ECRs) os Ensaios clinicos Ensaios clinicos quasi-randomizados (EQRs) para tratamento da ausencia congenita dos incisivos laterais superiores quando comparado a nao tratamento, tratamento placebo ou outro tratamento alternativo, durante no minimo seis meses. Coleta e analise de dados: a selecao dos estudos elegiveis, avaliacao da qualidade metodologica e a extracao de dados foram realizadas em duplicata e independentemente por dois autores da revisao. Resultados: nenhum estudo foi incluido, pois nao preencheram os criterios de inclusao. Nao foram encontrados estudos do tipo ensaios controlados randomizados (ECRs) ou ensaios clinicos controlados (ECC). Conclusao: os resultados desta revisao indicaram nao haver evidencia cientifica para recomendar ou nao qualquer um dos tres tipos de tratamento mais comuns para a ausencia congenita dos incisivos laterais maxilares. A evidencia disponivel e,na maioria das vezes, proveniente de relatos de casos, revisoes narrativas sobre relatos de casos e de quatro estudos com avaliacao unica pos-intervencao e grupos controles nao comparaveis. Todos esses estudos foram excluidos da revisao por nao preencherem os criterios de inclusao para selecao de estudos
Palavra-chave Anodontia
Anormalidades da Boca
Dentição
Incisivo
Implantação Dentária
Reabilitação Bucal
Revisão
Adolescente
Adulto
Humanos
Idioma Português
Data de publicação 2010
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2010. 84 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 84 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/21788

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta