Desenvolvimento, eficácia e efetividade de uma intervenção para manejo do ganho de peso em portadores de esquizofrenia

Show simple item record

dc.contributor.advisor Bressan, Rodrigo Affonseca [UNIFESP]
dc.contributor.author Attux, Cecília [UNIFESP]
dc.date.accessioned 2015-12-06T23:44:59Z
dc.date.available 2015-12-06T23:44:59Z
dc.date.issued 2011
dc.identifier.citation São Paulo: [s.n.], 2011. 206 p.
dc.identifier.uri http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/21744
dc.description.abstract Introdução: Pacientes com esquizofrenia apresentam maior prevalência de obesidade e sobrepeso quando comparados à população geral. Tal fato está associado a doenças cardiovasculares e diabetes, e a uma taxa de mortalidade duas a três vezes maior que a população. Intervenções para modificação de estilo de vida são efetivas para controle do peso, mas em portadores de esquizofrenia particularidades como a presença de sintomas negativos, déficits cognitivos, sedentarismo, dieta rica em gorduras e uso de antipsicóticos devem ser levados em conta. Esta tese foi dividida em duas partes cujos objetivos são: Estudo 1: Adaptar e avaliar a efetividade de uma intervenção para modificação no estilo de vida no manejo do ganho de peso em pacientes com transtornos mentais graves. Estudo 2: Avaliar a eficácia de uma intervenção para modificação de estilo de vida em pacientes com esquizofrenia. Métodos: Estudo 1: Foi realizado um estudo aberto multicêntrico longitudinal em 93 serviços de saúde. Pacientes preocupados com o peso foram incluídos no estudo e participaram de uma intervenção para modificação de estilo de vida (IEV) em grupo de uma hora de duração durante 12 semanas com foco em educação alimentar, atividade física e autoestima. Peso, circunferência da cintura e pressão arterial foram avaliados antes e após a intervenção. O tratamento usual foi mantido. Estudo 2: Foi realizado um ensaio clínico multicêntrico controlado para comparar essa mesma intervenção (IEV) com tratamento usual (TU). O desfechos primários eram peso e índice de massa corporal (IMC) em 3 e 6 meses. Durante o estudo todos os pacientes foram mantidos em tratamento psiquiátrico regular e foram seguidos por seis meses. Circunferência abdominal, pressão arterial, glicemia de jejum, insulina e perfil lipídico foram avaliados como desfechos secundários. O desfecho primário foi analisado com a análise de intenção de tratar (ITT). Resultados: Estudo 1: 1071 pacientes foram incluídos no estudo, e 73,9% completaram a intervenção. Foram observados diminuição de peso e IMC significativos (peso: diferença da média: 0,41; IC 95%: 0,18 a 0,64, p=0,001; IMC: (diferença da média: 0,13; IC 95%: 0,04 a 0,22, p=0,006). Após a intervenção 37 (4,4%) pacientes perderam mais que 7% do peso inicial, 780 (92,5%) mantiveram o peso e 26 (3,1%) dos pacientes apresentaram ganho de peso acima de 7%. Houve aumento da proporção de pacientes que praticavam atividade física após a intervenção (70,8%, p<0,001). Estudo 2: 160 pacientes foram incluídos no estudo (81 IEV x 79 TU). Após 3 meses, os pacientes submetidos à IEV (n=55) apresentaram perda de -0,47kg (IC 95% -1,23 a 0,3) e aqueles mantidos em TU (n=66) apresentaram aumento de +0,46kg (IC 95% -0,32 a 1,24; p>0,05). Após 6 meses, o grupo em IEV apresentou perda de -1,15kg (IC 95% -2,11 a 0,19), e aqueles em TU tiveram um aumento de +0,5 kg (IC 95% -0,42 a 1,42; p=0,017). Conclusões: A intervenção para modificação de estilo de vida esteve associada à perda de peso modesta porém significante nos dois estudos. Mesmo reduções pequenas no peso e em outras medidas antropométricas podem resultar em benefícios para esses pacientes. Novas intervenções para modificação no estilo de vida precisam ser desenvolvidas, tendo em vista a importância desse cuidado na redução da morbidade e mortalidade de portadores de esquizofrenia e outros transtornos psicóticos.
dc.format.extent 206 p.
dc.language.iso por
dc.publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.rights Acesso restrito
dc.subject Ganho de peso pt
dc.subject Esquizofrenia pt
dc.subject Obesidade pt
dc.subject Antipsicóticos pt
dc.subject Exercício pt
dc.subject Educação alimentar e nutricional pt
dc.subject Ensaio clínico pt
dc.subject Humanos pt
dc.title Desenvolvimento, eficácia e efetividade de uma intervenção para manejo do ganho de peso em portadores de esquizofrenia pt
dc.title.alternative Development, efficacy and effectiveness of a weight gain management intervention for patients with schizophrenia en
dc.type Tese de doutorado
dc.identifier.file epm-2022317300158.pdf
dc.description.source BV UNIFESP: Teses e dissertações
unifesp.campus São Paulo, Escola Paulista de Medicina (EPM) pt



File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search


Browse

Statistics

My Account