Impacto de uma acao educativa no conhecimento e conduta de

Impacto de uma acao educativa no conhecimento e conduta de

Título alternativo Impact of educational program on knowledge and management of caregivers concerning feeding of neurologically impaired children
Autor Carvalho, Ana Paula Cajaseiras de Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Devido as limitacoes funcionais observadas na encefalopatia cronica nao progressiva, incluindo-se aquelas relacionadas a alimentacao, essa populacao requer dos familiares profundas modificacoes no seu cotidiano. Para que a conducao do cuidado possa favorecer o desenvolvimento das potencialidades faz-se necessario contemplar na abordagem multidisciplinar da reabilitacao dos disturbios da degluticao a capacitacao do cuidador. Objetivo: verificar o impacto de uma acao educativa voltada aos aspectos relacionados a alimentacao desenvolvida com um grupo de cuidadores principais de criancas com encefalopatia cronica nao progressiva. Metodo: estudo comparativo transversal realizado com 30 criancas com diagnostico de encefalopatia cronica nao progressiva e seus respectivos cuidadores, tendo-se realizado aplicacao de um questionario e registro em video de uma refeicao conduzida pelo cuidador principal. A fim de se verificar o impacto da acao educativa no conhecimento e conduta dos cuidadores, estes foram divididos em dois grupos: estudo - composto por cuidadores submetidos a aplicacao de questionario e registro em video antes e aposrealizacao da acao educativa; controle -gruponoqualoscuidadores foram submetidos aos procedimentos em dois momentos, porem sem acesso a acao educativa.Resultados: 93,33% dos cuidadores eram do sexo feminino, a maioria apresentoubaixo nivel de escolaridade e, apenas 10% desenvolviam alguma atividade profissional.O conhecimento previo dos cuidadores quanto aos aspectos relacionados a alimentacao foi restrito, tendo 66% dos cuidadores referido nao saber o que era aspiracao, 60% afirmado nao saber as complicacoes associadas a esta e 86,66% terem negado existir relacao entre voz e degluticao. Durante a alimentacao, apenas 26,66% dos pais fizeram uso de comandos verbais relacionados a alimentacao e 50% nao perceberam as dificuldades apresentadas pelo seu filho. Observou-se diferenca estatisticamente significante quanto ao conhecimento e conduta dos cuidadores apenas no grupo estudo. Conclusao: a acao educativa realizada apresentou impacto positivo no conhecimento e conduta dos cuidadores quanto a alimentacao de seus filhos com encefalopatia cronica nao progressiva
Palavra-chave Paralisia Cerebral
Alimentação
Cuidadores
Capacitação
Questionários
Idioma Português
Data de publicação 2010
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 93 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/21665

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta