Cloridrato de clonidina como medicacao pre-anestesica via oral em pacientes submetidos a operacoes de facectomia extracapsular

Cloridrato de clonidina como medicacao pre-anestesica via oral em pacientes submetidos a operacoes de facectomia extracapsular

Título alternativo Oral clonidine as premedication in cataracts surgery patients: comparison for doses 100 and 200 μg
Autor Cruz, Jose Roquennedy Souza Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivo: Avaliar a sedacao, a pressao intra ocular e as alteracoes hemodinamicas com uso por via oral de cloridrato de clonidina (clonidina), nas doses de 100 e 200 &#956;g, como medicacao pre-anestesica para operacoes de catarata em regime ambulatorial. Metodos: O trabalho foi realizado pela Universidade Federal de São Paulo, como estudo clinico prospectivo, com distribuicao aleatoria, duplamente encoberto e controlado por placebo, em sessenta pacientes, de ambos os sexos, estado fisico ASA (Associacao Americana de Anestesiologia) 1 e 2, com idade minima de 18 anos e maxima de 80 anos. Foram divididos em tres grupos: placebo, clonidina 100 &#956;g e 200 &#956;g. As medidas de pressao intraocular, frequencia cardiaca e da pressao arterial sistemica, alem da avaliacao de sedacao, foram feitas antes e apos 90 min da administracao da clonidina. Os niveis de sedacao foram classificados de acordo com a escala de sedacao de Ramsay. Resultados: Pacientes que receberam placebo e 100 &#956;g de clonidina nao apresentaram reducao da frequencia cardiaca com diferenca estatistica significativa, enquanto os que receberam 200 &#956;g de clonidina, sim (p=0,04). Os que receberam clonidina na dose de 200 &#956;g apresentaram reducao na pressao arterial sistolica e diastolica (p<0,05). Um paciente que utilizou 200 &#956;g de clonidina desenvolveu hipotensao grave, com pressao sistolica menor que 80mmHg. Os pacientes tratados com clonidina apresentaram reducao da pressao intraocular (p<0,05). Quanto a sedacao, 90 min apos a administracao de placebo, clonidina 100 &#956;g e 200 &#956;g por via oral, 25%, 60% e 80% dos pacientes encontravam-se, respectivamente, em Ramsay 3 ou 4. Apos 105 min (durante a operacao), estavam 55%, 70% e 95% dos pacientes, respectivamente, em Ramsay 3 ou 4. Conclusoes: a dose de 100 &#956;g de clonidina por via oral pode ser indicada como medicacao pre-anestesica para cirurgias de facectomia extracapsular, possuindo efeito na sedacao, na diminuicao da pressao intra-ocular e ausencia de efeitos adversos na pressao arterial sistemica e na frequencia cardiaca
Palavra-chave Extração de Catarata
Clonidina
Pressão Intraocular
Hemodinâmica
Pré-Medicação
Humanos
Idioma Português
Data de publicação 2010
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2010. 81 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 81 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/21663

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta