Estudo de próteses aórticas porcinas sem suporte preservadas em polietilenoglicol: análise da calcificação tardia em ovinos juvenis.

Estudo de próteses aórticas porcinas sem suporte preservadas em polietilenoglicol: análise da calcificação tardia em ovinos juvenis.

Título alternativo Stentless porcine bioprothesis preserved in polietylglycol: analysis of the long-term calcification in juvenile sheep
Autor Santos, Paulo Cesar Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Gerola, Luís Roberto Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivo: testar o potencial de um processo não-aldeídico de preservação de próteses porcinas, montadas sem suporte, avaliando a incidência de calcificação tardia, comparando-as com próteses semelhantes, preservadas em glutaraldeído. Material e método: foram operados 24 ovinos juvenis, com idade variando de 4.53 a 6.33 meses e peso de 27 a 37 Kg, sendo que 21 eram machos. Em 14 animais foram implantadas biopróteses porcina sem suporte, preservadas em polietilenoglicol (Grupo I) e em 10 as biopróteses preservadas em glutaraldeído (Grupo 11). Após um período de observação de 150 dias estas biopróteses foram explantadas e analisadas quanto à presença de calcificação, por meio de estudo histológico e desempenho hemodinâmico com medidas pelo cateter de Swan-Ganz e coronariografia. Resultados: na análise macroscópica houve presença de calcificação com perda de mobilidade dos folhetos em todas as biopróteses do grupo 11 e em um caso no grupo I. À microscopia de luz, focos de calcificação estavam presentes também em todos os casos do grupo II e em três casos do grupo I. O desempenho hemodinâmico foi semelhante nos dois grupos analisados. Conclusões: o tratamento com polietilenoglicol de biopróteses porcinas mostrou uma significante redução no processo de calcificação neste modelo experimental, quando comparado com as biopróteses preservadas em glutaraldeído.
Assunto Contentores
Valva aórtica
Ovinos
Calcinose
Idioma Português
Data 2006
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2006. 102 p.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 102 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/21385

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)