Estudo morfológico do intestino delgado de ratos na isquemia-reperfusão sob oxigenação hiperbárica

Estudo morfológico do intestino delgado de ratos na isquemia-reperfusão sob oxigenação hiperbárica

Título alternativo Apoptosis of the small intestine and hyperbaric oxygen treatment - morphologic study in rats
Autor Bertoletto, Paulo Roberto Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Fagundes, Djalma José Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Ciência cirúrgica interdisciplinar
Resumo Objetivo: Estudar aspectos morfológicos e imuno-histoquímicos do intestino delgado de ratos sob isquemia e reperfusão (I/R) e submetidos à oxigenação hiperbárica. Métodos: Trinta e dois ratos foram distribuídos em quatro grupos (n=8) nos quais foi realizada a isquemia de sessenta minutos e avaliados após reperfusão de sessenta minutos. Nos animais do grupo I não foi realizado nenhum procedimento de oxigenação hiperbárica (OHB), no grupo II a OHB foi realizada no período de isquemia, no grupo II a OHB foi realizada no período de reperfusão e no grupo IV foi realizada nos períodos de isquemia e reperfusão. Foi usada uma câmara especial de acrílico para animais de pequeno porte com 2,0 atmosferas de pressão e oxigênio a 100% para os procedimentos de OHB. Segmentos de cinco centímetros de íleo terminal foram coletados após sessenta minutos de reperfusão para estudo histológico e imuno-histoquímico, sendo avaliados os graus de lesão da mucosa intestinal (ausente, leve, moderada e acentuada), espessura da camada mucosa e do índice de apoptose pela caspase 3. Resultados: O grupo I apresentou lesões acentuadas da mucosa, diminuição da espessura da camada mucosa e alto índice de apoptose (GI=0,70), caracterizando um modelo de lesão de I/R. O grupo II apresentou graus de lesões de mucosa ausentes ou leves e menor índice de apoptose(GII=0,16). Os resultados dos grupos I e III são semelhantes com grau de lesões moderadas ou acentuadas e diminuição da espessura da camada mucosa e índice de apoptose próximo (GI= 0,70 e GII=0,84). No grupo IV os graus de lesões foram semelhantes ao grupo II, porém, com maior índice de apoptose (GII=0,16 e GIV=0,42). Conclusão: A oxigenação hiperbárica realizada no período de isquemia preveniu as lesões de I/R de modo mais eficaz do que aplicada no período de isquemia e reperfusão. Quando aplicada somente no período de reperfusão os resultados foram piores sugerindo que seu efeito protetor esteja vinculado a prevenção da formação dos radicais livres no período de isquemia.

Objective: To study morphologic and immune-hystochemical aspects of the small intestine of rats under ischemia and reperfusion (I/R) and submitted to the hyperbaric oxygenation (HBO). Methods: Thirty two rats were distributed in four groups (n=8) us which the ischemia of sixty minutes was accomplished and appraised after reperfusion of sixty minutes. In the animals of the group I any procedure of HBO was not accomplished, in the group II HBO was accomplished in the ischemia period, in the group II HBO was accomplished in the reperfusion period and in the group IV it was accomplished in the ischemia periods and reperfusion. A special acrylic chamber was used with 2.0 pressure atmospheres and oxygen to 100% for the procedures of HBO. Segments of five centimeters of terminal ileum were collected after sixty minutes of reperfusion for histological study and immune-hystochemical, being appraised the degrees of lesion of the intestinal mucosa (absent, mild, moderate and severe), thickness of the mucosa and of the apoptosis index for the caspase 3. Results: The group I presented accentuated lesions of the mucosa, decrease of the thickness of the mucosa layer and high apoptosis index (GI=0.70), characterizing a model of lesion of I/R. The group II presented degrees lesions of mucosa absent or mild and smaller apoptosis (GII=0.16). The results of the groups I and III are similar with degree of moderate or accentuated lesions and decrease of the thickness of the mucosa and index of similar apoptosis (GI = 0.70 and GII=0.84). In the group IV the degrees of lesions were similar to the group II, however, with larger apoptosis index (GII=0.16 and GIV=0.42). Conclusions: The hyperbaric oxygenation accomplished in the ischemia period prevented the lesions of I/R in way more effective than applied in the ischemia period and reperfusion. When only applied in the reperfusion period the results were worse suggesting that the protecting effect is linked the prevention of the formation of the free radicals in the ischemia period.
Palavra-chave Intestinos
Oxigenação hiperbárica
Transplante
Ratos
Idioma Português
Data de publicação 2005
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2005. 70 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 84 p.
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/20998

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: Publico-20998.pdf
Tamanho: 2.760MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta