Estudo anatômico das inserções distais do tendão extensor longo do polegar

Estudo anatômico das inserções distais do tendão extensor longo do polegar

Título alternativo Anatomical studies of the distal insertion of the extensor pollicis longus
Autor Caetano, Maurício Benedito Ferreira Autor UNIFESP Google Scholar
Albertoni, Walter Manna Autor UNIFESP Google Scholar
Caetano, Edie Benedito Google Scholar
Instituição PUC-SP Serviço de Cirurgia da Mão
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
PUC - SP
Resumo We recorded with this study that the EPL muscle and its tendon show a few anatomical variations. Any accessories tendons either the absence of this muscle or its tendon was found. In all preparation the passage of the tendon through the third osteofibroses compartment, crossing on the ERBC and ERLC going to the thumb was seen. The change of the tendinuous trajectory, deviating itself to the radial direction in one of the preparations was checked (1,6%). The partial duplication of the proximal tendon to the metacarpophalangeal joint (AMP) was seen in three observations (4,8%), one bilateral and distal to the articulation in five (8,3%), 2 bilaterally. The bone insertion at the base of distal (BFD) phalanx in all observations were found. During its passage through metacarpophalangeal joint we recorded its insertion in the joint capsule in 14 observations (23,3%), however the bone insertion there was not observed in this place.. The most common pattern about this (EPL) extensor pollicis longus muscle was the presence of a tendon, passing through the osteofibroses dorsal of wrist compartment with a bone insertion at the base of distal pollicis phalanx.

Registramos pelo presente estudo que o músculo (ELP) e seu tendão apresentaram poucas variações anatômicas. Não registramos a presença de tendões acessórios e nem a ausência desse músculo ou de seu tendão. Verificamos em todas as preparações a passagem do tendão pelo terceiro compartimento osteofibroso, cruzando sobre os extensor radial curto (ERCC) e longo (ERLC) do carpo e dirigindo-se ao polegar. A alteração no trajeto tendinoso, desviando-se no sentido radial foi verificada em uma das preparações (1,6%). A duplicação parcial do tendão proximal a articulação metacarpofalângica (AMFP) foi verificada em 3 observações (4,8%), sendo 1 bilateral, e distal à articulação em 5 (8,3%), 2 bilateralmente. A inserção óssea na base da falange distal (BFD) foi encontrada em todas as observações. Durante sua passagem pela articulação metacarpofalângica, registramos sua inserção na cápsula articular em 14 observações (23,3%), porém não registramos a inserção óssea nesse local. O padrão mais comum em relação ao músculo ELP foi a presença constante de 1 tendão, passando pelo terceiro compartimento osteofibroso dorsal do punho com inserção óssea na base da falange distal do polegar.
Palavra-chave Extensor pollicis longus
Anatomical variations
Distal insertions
Tenossinovite
Antebraço
Polegar
Idioma Português
Data de publicação 2004-06-01
Publicado em Acta Ortopédica Brasileira. Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia, v. 12, n. 2, p. 118-124, 2004.
ISSN 1413-7852 (Sherpa/Romeo)
Publicador Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia
Extensão 118-124
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1413-78522004000200008
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1413-78522004000200008 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/2097

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S1413-78522004000200008.pdf
Tamanho: 735.2KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta