Dieta palatável hiperlipídica modifica o metabolismo cerebral e do tecido adiposo de ratos, dependendo da idade e do tempo de tratamento

Mostrar registro simples

dc.contributor.advisor Nascimento, Claudia Maria da Penha Oller do [UNIFESP]
dc.contributor.author Estadella, Debora [UNIFESP]
dc.date.accessioned 2015-12-06T23:05:46Z
dc.date.available 2015-12-06T23:05:46Z
dc.date.issued 2005
dc.identifier.citation São Paulo: [s.n.], 2005. 112 p.
dc.identifier.uri http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/20725
dc.description.abstract Demonstramos anteriormente que a ingestão contínua de dieta pala hiperlipídica (PL) ou de ciclos alternados de dieta padrão (C) com diet (dieta mista - M) induziram obesidade em ratos. No presente e: investigamos a relevância da idade do animal e da duração do tratamento essas dietas sobre: a adiposidade, o metabolismo da glicose cerebral adipócitos isolados, a expressão gênica da adiponectina e a quantidade receptores de leptina e insulina. Ratos Wistar machos receberam dietas C, PL ou M, durante 3 diferentes períodos: dos 30 aos 60; dos 30 aos 90 ou dos 60 aos 90 dias de vida. 0 ganho de peso corporal foi maior nos grupos PL30-90, PL60-90, M60-90 e M30-90, embora a ingestão calórica tenha diminuído nos grupos PL60-90, M60-90 e M30-90. 0 conteúdo de lipídios da carcaça aumentou em todos os grupos PL e M. Os grupos PL30-60, PL30-90, M30-60 e M30-90 apresentaram hiperglicemia, todos os grupos PL e os M60-90 e M30-90 apresentaram hiperleptinemia, e os grupos PL30-60, PL60-90, M60-90 e M30-90 hiperinsulinemia. 0 consumo cerebral basal de glicose e a quantidade receptor de insulina no hipotálamo diminuíram no grupo M30-60. A taxa lipogênese do cérebro aumentou nos grupos PL30-90 e M30-90. 0 diâmetro área e o volume dos adipócitos isolados do RET aumentaram nos grupos M, 30-60 e 30-90; e nos adipócitos do EPI nos grupos PL e M (30-9 concentração sérica de triglicerídeos foi maior em todos os animais tratados com dieta mista. Nesses grupos a taxa de incorporação de glicose em lipídeos nos adipócitos do RET estava elevada, assim como no EPI dos grupos P 90 e M60-90. Nos adipócitos do RET dos grupos 30-90 (PL e M), M60 M30-60 e nos do EPI dos grupos PL e M (30-90) e M60-90, observe elevação da taxa de oxidação de glicose em C02. A quantidade de receptor para leptina aumentou no RET dos grupos PL e M (30-60) e no EPI do M30-90. 0 presente estudo demonstrou que a ingestão de dieta PL ou M elevou a adiposidade independente do tempo e idade do tratamento. Entretanto, modificou o metabolismo dos adipócitos in vitro, dependente do depósito de gordura estudado, e o metabolismo de glicose no cérebro nos anil principalmente, quando tratados a partir dos 30 dias de vida. Além disso, ter efeito aterogênico por inibir a expressão gênica de adiponectina.
dc.format.extent 112 p.
dc.language.iso por
dc.publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.rights Acesso restrito
dc.subject Dieta pt
dc.subject Cérebro/metabolismo pt
dc.subject Lipídios pt
dc.subject Ratos pt
dc.title Dieta palatável hiperlipídica modifica o metabolismo cerebral e do tecido adiposo de ratos, dependendo da idade e do tempo de tratamento pt
dc.title.alternative Hyperlipidic palatable diet modify rats brain and adipose tissue metabolism, dependently from treatment duration and age of start en
dc.type Tese de doutorado
dc.identifier.file epm-20050819093630GARCIA.pdf
dc.description.source BV UNIFESP: Teses e dissertações
unifesp.campus São Paulo, Escola Paulista de Medicina (EPM) pt



Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Mostrar registro simples