Endoftalmite por Candida albicans após transplante penetrante de córnea: relato de caso

Endoftalmite por Candida albicans após transplante penetrante de córnea: relato de caso

Título alternativo Candida albicans endophthalmitis following penetrating corneal graft: case report
Autor Godoy, Glaucio De Google Scholar
Wahab, Sâmia Ali Google Scholar
Hofling-Lima, Ana Luisa Autor UNIFESP Google Scholar
Moreira, Hamilton Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Hospital de Olhos do Paraná
Instituto de Pesquisas Médicas
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Universidade Federal do Paraná
Faculdade Evangélica do Paraná
Resumo The authors report a case of a patient submitted to penetrating corneal graft for keratoconus with an exaggerated inflammatory response during the postoperative period. The patient was suspected of having an atypical rejection to the donor button. There were periods of improvement, followed by periods of worsening of the inflammation at each attempt of reducing the topical corticosteroid. After initiating immunosuppressive therapy with cyclosporin and high doses of topical corticosteroid, the patient developed Candida albicans endophthalmitis affecting the anterior segment of the eye and the vitreous body, but sparing the chorioretina. The patient improved after three injections of 5 µg intravitreal amphotericin B, 400 mg oral ketoconazole daily and topical clotrimazole every four hours. The authors also discuss the main possibilities of contamination of the patient, the infectious picture probably being related to the surgical procedure.

Os autores relatam o caso de uma paciente submetida a transplante penetrante de córnea por ceratocone que evoluiu com resposta inflamatória exacerbada durante o período pós-operatório, suspeitando-se, inicialmente, de rejeição atípica e intensa ao botão doador. Houve períodos de melhora, seguidos por períodos de piora a cada tentativa de se reduzir o corticóide tópico. Iniciou-se terapia imunossupressora com ciclosporina via oral e altas doses de corticóide tópico, porém, a paciente desenvolveu endoftalmite por Candida albicans com acometimento do segmento anterior do olho e do corpo vítreo, mas sem surgimento de lesões coriorretinianas. Evoluiu de forma satisfatória após três injeções de anfotericina B 5µg intravítrea, cetoconazol 400 mg/dia via oral e clotrimazol tópico de 4/4 horas. Os autores discutem também as principais possibilidades de contaminação da paciente, sendo o quadro infeccioso provavelmente relacionado ao procedimento cirúrgico.
Palavra-chave Endophthalmitis
Eye infections, fungal
Candida albicans
Keratoplasty, penetrating
Cyclosporine
Candidiasis
Endoftalmite
Infecções oculares fúngicas
Córnea
Candida albicans
Ceratoplastia penetrante
Ciclosporina
Candidíase
Idioma Português
Data de publicação 2004-04-01
Publicado em Arquivos Brasileiros de Oftalmologia. Conselho Brasileiro de Oftalmologia, v. 67, n. 2, p. 349-352, 2004.
ISSN 0004-2749 (Sherpa/Romeo)
Publicador Conselho Brasileiro de Oftalmologia
Extensão 349-352
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0004-27492004000200030
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0004-27492004000200030 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/2048

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0004-27492004000200030.pdf
Tamanho: 972.0KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta