Estimulos nociceptivos em ratos recem-nascidos e alteracoes a longo prazo na neurogenese hipocampal

Estimulos nociceptivos em ratos recem-nascidos e alteracoes a longo prazo na neurogenese hipocampal

Título alternativo Nociceptive stimuli in newborn rats and long-term modifications in the hippocampal neurogenesis
Autor Leslie, Ana Teresa Figueiredo Stochero Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivos: a dor neonatal repetitiva e o estresse dela decorrente parecem levar a sequelas no desenvolvimento de recem-nascidos prematuros e/ou criticamente doentes. Em animais de laboratorio, a neurogenese hipocampal e fortemente influenciada pelo estresse. O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito a longo prazo de estimulos nociceptivos agudos repetidos e de estimulo nociceptivo cronico realizados no rato recem-nascido, aliados ou nao a separacao materna, sobre a neurogenese aos 21 dias de vida no hipocampo. Metodos: ratos recem-nascidos foram divididos em dois grupos de acordo com a realizacao ou nao de estimulo nociceptivo cronico provocado pela injecao de indocianina concentrada no primeiro dia de vida. Estes dois blocos foram subdivididos em tres outros grupos, de acordo c tipo de estimulo recebido do primeiro ao setimo dia de vida: estimulos nociceptivos agudos, caracterizados pela insercao de agulha nas patas dos animais quatro vezes ao dia; estimulos tateis, caracterizados por quatro toques nas patas dos ratos quatro vezes ao dia; e ausencia de estimulos agudos nociceptivos e tateis (controle). OE grupos de animais que receberam estimulos nociceptivos ou tateis foram ou nao submetidos a separacao da mae durante 15 minutos apos cada estimulacao aguda Com 21 dias os ratos receberam BrdU (marcador de celulas neuronais em divisao) e no vigesimo-oitavo dia os ratos foram sacrificados, sendo obtidos cortes encefalicos Os neuronios foram contados manualmente na camada granular do giro denteado do hipocampo, sendo os grupos comparados por meio de ANOVA, considerando-se significante p < 0,05. Resultados: ocorreu maior taxa de obito entre os animais que receberam estimulo nociceptivo cronico e maior ganho de massa corporal no animais sobreviventes submetidos a essa estimulacao Os animais submetidos estimulacao nociceptiva cronica apresentaram maior numero de neuronios em relacao aos que nao receberam o estimulo nociceptivo cronico: 9,3 versus 4,1, neuronios por micrometro x 10-3 de giro denteado (p=0,001). Nao foram observada: diferencas em relacao ao numero de neuronios entre os ratos que receberam ou nao estimulos nociceptivos agudos e entre os animais submetidos ou nao a separacao materna. Conclusao: estimulacao nociceptiva cronica a partir do primeiro dia de vida levou ao aumento da proliferacao neuronal no hipocampo com 21 dias de vida
Palavra-chave Nociceptores
Animais Recém-Nascidos
Ratos
Hipocampo
Idioma Português
Data de publicação 2003
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2003. 85 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 85 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/19983

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta