Resposta à terapia antihipertensiva e suas implicações nos parâmetros ecocardiográficos e na microalbuminúria em pacientes obesas hipertensivas de acordo com a distribuição de gordura corporal

Resposta à terapia antihipertensiva e suas implicações nos parâmetros ecocardiográficos e na microalbuminúria em pacientes obesas hipertensivas de acordo com a distribuição de gordura corporal

Título alternativo Anthihypertensive therapy response and its implications upon echocardiographic parameters and urinary albumin excretion in hypertensive obese women according to body adiposity distribuition
Autor Rosa, Eduardo Cantoni Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Kohlmann Junior, Osvaldo Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Introdução: A obesidade e condicao prevalente na hipertensao, sendo conhecido o impacto cardiovascular negativo da associacao de ambas as condicoes. Varios estudos demonstram que a obesidade central (androide) esta associada a maior prevalencia de disturbios metabolicos, neurohumorais e a um maior risco cardiovascular, quando comparada a obesidade ginecoide. No entanto, pouco se sabe a respeito do impacto da mesma sobre a resposta antihipertensiva e sobre o acometimento de orgaos alvo. Objetivos: Assim, o presente estudo tem por objetivos: 1. Avaliar os parametros pressoricos e o acometimento cardio-renal em mulheres obesas (normotensas e hipertensas) de acordo com a distribuicao de gordura corporal; 2. Avaliar a resposta antihipertensiva e dos parametros assinalados, mediante o emprego de terapia antihipertensiva. Metodos: Foram selecionadas 49 pacientes hipertensas obesas (OBHT), com idades variando entre 26 a 65 anos e IMC entre 30,8 a 48,8 Kg/m2. Destas, 37 foram classificadas com distribuicao central de gordura (DC) e 12 com distribuicao periferica (DP), de acordo com o criterio 0,89, obtido a partir do percentil 25 da media da relacao cintura/quadril desta populacao. Foi realizado washout medicamentoso por 4 semanas (12 semanas para os IECA e antagonistas da AgII) e apos o mesmo, foi instalada MAPA, realizado ecocardiograma, bioimpedancia e colhidos exames laboratoriais para dosagens de insulina, catecolaminas, microalbuminuria (12 horas) e bioquimica serica. A seguir, foi iniciada intervencao medicamentosa escalonada, com duracao de 24 semanas, objetivando-se controle pressorico em consultorio (PAS < 140 e PAD < 90 mmHg) de acordo com visitas mensais: Cilazapril 2,5 mg a 5 mg; Cilazapril 5 mg + Hidroclorotiazida 12,5 mg; Cilazapril 5 mg + Hidroclortiazida 12,5 mg + Amlodipina 5,0 a 10 mg. Foi tambem orientada dieta hipocalorica a todas pacientes. Apos 24 semanas, foram repetidos todos os exames. Ainda foram selecionadas 37 mulheres obesas normotensas (OBNT) com idades entre 21 a 60 anos e IMC entre 30 a 50 kg/m2, classificadas de acordo com o criterio 0,89 em 18 DP e 19 DC. Resultados: A avaliacao basal, quando comparadas mulheres OBNT- DC e DP, obteve-se um significativo maior acometimento de estrutura septal e uma maior frequencia cardiaca no grupo com obesidade central, mediante niveis pressoricos bastante similares. Na analise de regressao multipla, houve associacao entre parametros estruturais cardiacos e a frequencia cardiaca para com as variaveis de cintura e cintura/quadril, e quando excluidas estas ultimas, tambem houve correlacao com os niveis de insulina. No grupo de OBHT-DC, obteve-se um descenso pressorico significativamente menor e uma tendencia a niveis pressoricos noturnos mais elevados, maior acometimento cardiaco estrutural e piora da funcao diastolica, quando comparado as OBHT-DP. Quando avaliada a excrecao urinaria de albumina, a avaliacao entre os subgrupos androide e ginecoide nao conferiu diferencas significantes, embora se denote claramente uma tendencia a maior excrecao urinaria de albumina nos grupos com obesidade central. A analise de regressao, as pressoes sistolica e diastolica noturnas estiveram respectivamente associadas aos parametros ecocardiograficos e daa(au)
Palavra-chave Hipertensão/terapia
Obesidade
Índice de massa corporal
Ecocardiografia
Albuminúria
Idioma Português
Data de publicação 2003
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2003. 190 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 190 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/19960

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta