Estudo comparativo das variaveis antropometricas e da aptidao fisica entre adolescentes de classes sociais diferentes do municipio de São Paulo

Estudo comparativo das variaveis antropometricas e da aptidao fisica entre adolescentes de classes sociais diferentes do municipio de São Paulo

Título alternativo Antropometrics variable comparative study and physical fitness among adolescents who live in different social economics on the district of São Paulo
Autor Ribeiro, Ricardo Yoshio Silveira Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Introdução: A adolescencia e uma fase da vida do ser humano muito significativa, pois envolve transformacoes fisiologicas, biomecanicas e psicologicas importantes. 0 Brasil e um pais de marcantes diferencas sociais. Portanto, toma-se importante compreender o desenvolvimento dos adolescentes quanto as caracteristicas do crescimento e desempenho motor relacionadas a sua condicao socioeconomica. Objetivos: Avaliar e comparar as caracteristicas antropometricas e a aptidao fisica de adolescentes de classes sociais diferentes da regiao metropolitana de São Paulo. Metodos: Amostra foi composta por 221 adolescentes de 11 a 19 anos de duas classes sociais diferentes divididos em 4 grupos: grupo classe socioeconomica baixa, sexo masculino (BM); grupo classe socioeconomica media, sexo masculino (MM); grupo classe socioeconomica baixa, sexo feminino (MF) e grupo classe socioeconomica media, sexo feminino (MF). Os adolescentes foram submetidos a avaliacao antropometrica e testes fisicos que incluiram: flexibilidade, RML de abdomen, RML de membros superiores, agilidade velocidade e impulsao horizontal. Resultados: Para as variaveis antropometricas (peso corporal, altura e IMC), os grupos da classe social media (MM e MF) obtiveram valores superiores aos valores da classe social baixa. Os grupos MM e MF tambem demonstraram valores superiores para as variaveis de RML de abdomen e membros superiores. Os grupos BM e BF demonstraram valores melhores para as variaveis de velocidade e agilidade. Em relacao a impulsao horizontal, MM foi superior a BM e BF foi superior a MF. Conclusoes: De maneira geral, as caracteristicas antropometricas dos adolescentes de classe social media foram superiores aos de classe social baixa. Em relacao as variaveis neuromotoras, os adolescentes de classe social baixa demonstraram melhor desempenho para agilidade e velocidade. Para as variaveis de RML de membros superiores e abdomen, os grupos MM e MF foram superiores a BM e BF. Em relacao a impulsao horizontal, o grupo BF foi superior ao grupo MF. Para a variavel de flexibilidade nao houve diferenca entre os grupos
Palavra-chave Adolescente
Classe Social
Aptidão Física
Antropometria
Idioma Português
Data de publicação 2003
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2003. 61 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 61 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/19957

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta