Transscleral diode laser retinopexy in retinal reattachment surgery

Transscleral diode laser retinopexy in retinal reattachment surgery

Título alternativo Retinopexia com laser de diodo transescleral na cirurgia de descolamento de retina
Autor Goncalves, Joao Carlos de Miranda Autor UNIFESP Google Scholar
Farah, Michel Eid Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo PURPOSE: Transscleral diode retinal photocoagulation (diopexy) is becoming an accepted technique in the treatment of selected retinal diseases. The objective of this study is to evaluate diopexy technique in the production of adhesive chorioretinal lesions during the surgical treatment of the rhegmatogenous retinal detachment. METHODS: 25 patients with rhegmatogenous retinal detachment were enrolled in a prospective clinical-surgical study to evaluate the technique of transscleral diode laser photocoagulation to obtain adhesive chorioretinal lesions during retinal reattachment surgery. The surgery consisted of the placement of an exoplant silicon to produce a buckle effect combined with a drainage of subretinal fluid in most cases. RESULTS: By a mean follow-up of 10 months, 21 of 25 eyes had their retinas reattached after only one surgery with diopexy used in all cases. CONCLUSION: Transscleral diode laser photocoagulation was a technically easy, controlled, effective, reproducible and safe means of obtaining chorioretinal adhesion in retinal reattachment surgery.

OBJETIVO: Fotocoagulação transescleral com laser de diodo (diopexia) está se tornando técnica utilizada no tratamento de algumas doenças retinianas. O objetivo deste estudo é avaliar a técnica de diopexia na produção de lesões coriorretinianas aderentes durante o tratamento cirúrgico do descolamento de retina regmatogênico. MÉTODOS: Vinte e cinco pacientes com descolamento de retina regmatogênico participaram deste estudo clínico-cirúrgico prospectivo para avaliar a técnica de fotocoagulação com laser de diodo transescleral para obter lesões coriorretinianas aderentes durante a cirurgia de descolamento de retina. A cirurgia consistiu de colocação de explante de silicone para produzir efeito de introflexão escleral combinado com drenagem do líquido subretiniano na maioria dos casos. RESULTADOS: Após um período médio de seguimento de 10 meses, em 21 dos 25 olhos houve reaplicação da retina após um único procedimento cirúrgico com diopexia aplicada em todos os casos. CONCLUSÃO: Fotocoagulação com laser de diodo transescleral foi uma forma tecnicamente fácil, controlada, efetiva, reprodutível e segura na obtenção de adesão coriorretiniana na cirurgia de descolamento de retina.
Palavra-chave Sclera
Retina
Choroid
Laser coagulation
Retinal detachment
Drainage
Esclera
Retina
Coróide
Coagulação por laser
Descolamento retiniano
Drenagem
Idioma Inglês
Data de publicação 2004-02-01
Publicado em Arquivos Brasileiros de Oftalmologia. Conselho Brasileiro de Oftalmologia, v. 67, n. 1, p. 23-26, 2004.
ISSN 0004-2749 (Sherpa/Romeo)
Publicador Conselho Brasileiro de Oftalmologia
Extensão 23-26
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0004-27492004000100004
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0004-27492004000100004 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/1995

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0004-27492004000100004.pdf
Tamanho: 265.2KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta