Perfil do fumante que procura apoio em um programa de cessacao do tabagismo

Perfil do fumante que procura apoio em um programa de cessacao do tabagismo

Título alternativo Analysing the profile of smokers who look after a smoking cessation treatment centre
Autor Goncalves, Maria Stela Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Introdução No passado acreditava-se que o cigarro podia curar doencas. Hoje, apos o desenvolvimento das pesquisas na area do tabagismo e da confirmacao desse habito como doenca, foram desenvolvidos programas em todo o mundo para o tratamento e cessacao desta dependencia. Existem muitos trabalhos epidemiologicos abordando a prevalencia do fumo em diversos paises e determinadas populacoes, porem as caracteristicas do individuo que procura um servico de cessacao de tabagismo ainda nao sao bem especificadas, uma vez que estas caracteristicas poderiam influenciar no sucesso do tratamento. OBJETIVOS Definir o perfil do fumante que procura um servico de cessacao de tabagismo e definir possiveis diferencas entre os sexos e em uma amostra de idosos MATERIAL E METODOS Foram avaliados, prospectivamente, 203 prontuarios de fumantes atendidos no Nucleo de Apoio a Prevencao e Cessacao do Tabagismo - PrevFumo da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Os individuos responderam questionarios especificos relacionados ao historico tabagico, antecedentes psiquiatricos relatados, questionarios especificos para depressao e ansiedade, questionario de dependencia a nicotina e um questionario geral auto-aplicado. Todos os questionarios eram preenchidos de forma supervisionada e foram escolhidos pela ampla utilizacao na pratica clinica. RESULTADOS E CONCLUSOES A media de idade para a amostra foi 45,3 + 12,0 anos, sendo 58.6 por cento (119) do sexo feminino. A media de idade para o sexo masculino foi 44,4 + 11,3 anos e para o sexo feminino foi 45,8 + 11,8 anos (p=0,391). A maior parte da amostra estudada se concentra nas classes 132 (27,1 por cento) e C (32,0 por cento). Sessenta e tres porcento dos fumantes possuem pelo menos o segundo grau completo. Depressao, como antecedente psiquiatrico relatado, foi muito mais referida entre as mulheres com diferenca estatistica marginalmente significante. Porem, avaliando depressao por meio de instrumento especifico (Inventario Beck), nao houve diferenca estatisticamente significante entre os sexos e entre idosos e nao idosos
Palavra-chave Hábito de Fumar
Abandono do Hábito de Fumar
Depressão
Ansiedade
Sexo
Idoso
Idioma Português
Data de publicação 2003
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2003. 35 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 35 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/19937

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta