Efeito da ventilação com diferentes frações inspiradas de oxigênio e do alopurinol na isquemia-reperfusão pulmonar em ratos

Efeito da ventilação com diferentes frações inspiradas de oxigênio e do alopurinol na isquemia-reperfusão pulmonar em ratos

Título alternativo Effect of ventilation with different inspered oxigen concentrations and of allopurinol on lung ischaemia-reperfusion injury in rats
Autor Silva, Fabio May da Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Leão, Luiz Eduardo Villaça Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo A falencia primaria do enxerto no pos-operatorio imediato do transplante pulmonar deve-se, principalmente, a alteracoes metabolicas originarias da lesao de isquemia-reperfusao. Essa e a principal causadora das alteracoes funcionais que ocorrem com a restauracao do fluxo sanguineo, sendo, em parte, consequente a excessiva liberacao de especies reativas de oxigenio. O objetivo do presente estudo foi verificar o efeito da ventilacao associada a fracoes inspiradas de oxigenio a 0,21 e 1,00, e do alopurinol (antioxidante) na isquemia-reperfusao pulmonar. Utilizaram-se 60 ratos Wistar distribuidos aleatoriamente em seis grupos. O grupo I foi o controle; no grupo II os animais foram ventilados durante a isquemia-reperfusao com Fi02 de 0,21; e no grupo III, com Fi02 de 1,00. Os tres grupos restantes, IA, IIA e IIIA, foram medicados com 100 mg/kg de alopurinol no pre-operatorio e submetidos a procedimentos semelhantes aos grupos I, 11 e III, respectivamente. O modelo utilizado foi o de isquemia-reperfusao normotermica, in situ. O tempo de isquemia foi de 30 minutos, e o de reperfusao, de 10 minutos. Como parametros de avaliacao foram utilizados a pressao arterial media sistemica (PAM), a relacao da pressao parcial de oxigenio/fracao inspirada de oxigenio (P02/FiO2), a dosagem de antioxidantes endogenos e de substancias reativas ao acido tiobarbiturico (TBARS) no tecido pulmonar e a relacao peso pulmonar umido/seco. Os resultados mostraram que a ventilacao comi oxigenio a 21 por cento, quando comparada a ventilacao com oxigenio a 100 por cento, apresentou menor diminuicao da PAM, melhor relacao P02/Fi02, maiores valores na medida da glutationa reduzida, menor producao de TBARS e menor edema pulmonar. O uso de alopurinol no pre-operatorio mostrou menor diminuicao da PAM, melhor relacao P02/Fi02, menores valores na medida da glutationa peroxidase, catalase, menor producao de TBARS e menor edema pulmonar
Palavra-chave Reperfusão
Radicais Livres
Alopurinol
Pulmão
Ratos
Idioma Português
Data de publicação 2003
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2003. 103 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 103 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/19911

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta