Ensaio clínico duplo-cego randomizado para avaliação de diferentes planos dietéticos no manejo nutricional de crianças com diarreia persistente

Ensaio clínico duplo-cego randomizado para avaliação de diferentes planos dietéticos no manejo nutricional de crianças com diarreia persistente

Título alternativo Randomized, double-blind, clinical trial to evaluate the efficacy of different dietary plans on the nutritional management of children with persistent diarrhea
Autor Mattos, Angela Peixoto de Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Fagundes Neto, Ulysses Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivo: atraves de um ensaio clinico, duplo-cego, randomizado, avaliou-se a eficacia de quatro diferentes dietas no manejo nutricional de criancas com diarreia persistente. Metodos: foram estudados 154 pacientes, todos do sexo masculino, com idade entre 1 e 36 meses, admitidos com diarreia persistente, com ou sem desidratacao. Os pacientes foram mantidos em uma unidade metabolica, onde o peso, a inGestão da dieta, de soro oral e agua, assim como as perdas de fezes, urina e vomitos foram medidos durante todo o estudo e analisados a cada 24 horas. Foram utilizadas 4 diferentes dietas: Dieta 1 - formula a base de iogurte. Dieta 2-formula a base de proteina de soja, Dieta 3-formula a base de caseina hidrolisada e Dieta 4 - formula a base de suspensao de aminoacidos. As formulas foram utilizadas como alimento exclusivo durante toda a internacao. Resultados: nossos dados mostram que as criancas que usaram as formulas a base de iogurte (Dieta 1) e de suspensao de aminoacidos (Dieta 4) apresentaram menor perda fecal e menor duracao da diarreia. Alem disso, na analise de sobrevivencia a dieta a base de suspensao de aminoacidos mostrou um efeito dose-resposta superior as demais dietas. Conclusoes: e recomendavel que uma dieta de baixo custo e largamente disponivel, a base de iogurte, seja utilizada como primeira opcao no manejo nutricional de criancas com diarreia persistente leve e moderada. Uma dieta mais complexa, a base de suspensao de aminoacidos, quando disponivel, devera ser priorizada no manejo dos casos refratarios ao manejo nutricional inicial e, como primeira escolha, no manejo dos pacientes com diarreia persistente grave
Palavra-chave Diarreia infantil
Dietoterapia
Absorção intestinal
Nutrição do lactente
Idioma Português
Data de publicação 2003
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2003. 104 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 104 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/19882

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta