Antropometria, composicao corporal e stado nutricional em ferro, cobre e zinco em criancas e adolescentes de duas favelas de São Paulo

Antropometria, composicao corporal e stado nutricional em ferro, cobre e zinco em criancas e adolescentes de duas favelas de São Paulo

Alternative title Anthropometry, body composition and nutritional status iron, copper and zinc in children and adolescents of two shantytowns São Paulo
Author Santos, Elisabete Braga dos Autor UNIFESP Google Scholar
Abstract Objetivos: avaliar a antropometria, a composicao corporal e o estado nutricional em ferro, cobre e zinco, segundo o genero, de criancas e adolescentes institucionalizados, moradores de duas favelas da cidade de São Paulo, Metodos: estudo transversal utilizando medidas de peso, estatura, circunferencia braquial, dobras cutaneas, bioimpedancia eletrica, os escores Z da relacao estatura para idade, indice de massa corporal, area do braco, area muscular do braco e area de gordura do braco. Os percentuais de gordura corporal e massa magra foram analisados segundo formulas de Siri e Slaughter. Foram dosados hemoglobina, hematocrito, ferro serico, ferritina, cobre e zinco sericos. Resultados: foram maiores peso corporal, circunferencia do braco, dobras cutaneas do triceps e subescapular e resistencia eletrica no sexo feminino em relacao ao masculino. Baixa estatura foi encontrada em 8 por cento das meninas e 5,6 por cento dos meninos, sem diferenca quanto ao genero. Houve menor prevalencia de desnutricao (2 por cento das meninas e 5,6 por cento nos meninos), do que de sobrepeso e obesidade (30 por cento e 11,2 por cento, respectivamente). As meninas apresentaram escores Z da area do braco e area muscular do braco e percentual de gordura corporal maiores do que os meninos. Observou-se anemia em 24,4 por cento, com ferropenia em 10,5 por cento das criancas e adolescentes com ou sem anemia. Nao houve diferenca quanto a concentracao de ferro serico, ferritina e zinco serico segundo o genero. No sexo feminino verificou-se maiores niveis de cobre serico do que no sexo masculino. A ocorrencia de defiCiência de cobre e zinco foi baixa. Conclusoes: Ha ocorrencia do processo de transicao nutricional, apesar da baixa renda. A institucionalizacao influencia positivamente a antropometria, A composicao corporal e o estado nutricional em ferro, cobre e zinco
Keywords Antropometria
Composição Corporal
Ferro
Cobre
Zinco
Language Portuguese
Date 2003
Published in São Paulo: [s.n.], 2003. 92 p.
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 92 p.
Access rights Closed access
Type Dissertation
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/19696

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account