Estrutura do vivido: análise do relato de pacientes com lúpus eritematoso sistêmico

Estrutura do vivido: análise do relato de pacientes com lúpus eritematoso sistêmico

Título alternativo Structure of living: analysis of ralate the patients with systemic lupus erythematosus
Autor Barros, Bruna Paes de Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Mastroianni Kirsztajn, Gianna Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Esta dissertacao teve como objetivo, atraves de uma abordagem reflexiva e compreensiva, contribuir para o esclarecimento de como e a vida de mulheres portadoras de Lupus Eritematoso Sistemico (LES) e de como elas constituem a compreensao de sua doenca. Os relatos obtidos atraves de entrevistas semidirigidas foram analisados segundo a proposta de MARTINS e BICUDO (1994). Concluimos que sempre ha percepcao de mudanca de vida apos o diagnostico de LES, principalmente em relacao a imagem corporal proporcionada pelos sintomas e efeitos colaterais dos tratamentos, e das suas relacoes interpessoais. O desconhecimento Da doenca e outro aspecto levantado na pesquisa, que, segundo as pacientes, traz diversas consequencias: discriminacao, medo do contagio, dificuldade para conseguir emprego, entre outras. Reconhecem a doenca como cronica e acentuam a dificil rotina vivida nos procedimentos ambulatoriais: exames, consultas, medicamentos e internacoes. A ansiedade e a angustia giram em torno dos sinais e sintomas do paciente, ou seja, a ansiedade e sentida mais frequentemente nos momentos que exigem novas adaptacoes impostas pela doenca e quando estao conscientes da propria vulnerabilidade frente a atividade do lupus, sendo que a angustia e vivida nos momentos em que sao percebidas as perdas que ocorreram no curso da doenca. Este estudo discute ainda a importancia do atendimento multidisciplinar a estes pacientes, ressaltando o papel do profissional de Saúde mental como fundamental para se atingir uma compreensao global dos pacientes com LES
Palavra-chave Lúpus eritematoso sistêmico
Existencialismo
Ansiedade
Idioma Português
Data de publicação 2003
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2003. 133 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 133 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/19635

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta