Sonhos e craving em alcoolistas na fase de desintoxicação

Sonhos e craving em alcoolistas na fase de desintoxicação

Título alternativo Dreams and craving in alcohol addicted patients in the detoxication stage
Autor Araujo, Renata Brasil Google Scholar
Oliveira, Margareth Autor UNIFESP Google Scholar
Piccoloto, Luciane B. Google Scholar
Szupszynski, Karen P.d.r Google Scholar
Instituição Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo The objective of this research is to evaluate the existence of a possible connection between dreams of alcohol-addicted patients and the craving they have during the first three days of detoxication at hospital ward units. The aim was to verify if those who had increased craving reported dreams where the theme alcohol was present, as well as to analyze the subjects'quality of sleep. It was a transversal study, with association of the sample variables. The taken sample has included 77 adult males, alcohol addicted, who would not have clinical or psychiatric comorbidities. In addition, the subjects would not be addicted to any other psychoactive substance but nicotine. The following instruments have been used: an Information File, where the subjects should fill in their social-demographic status; a Craving Evaluation Questionnaire; a Sleep and Dream Evaluation Questionnaire, Mini-Mental State Examination and Short-Form Alcohol Dependence Data Questionnaire ). 67,6% of the subjects considered the sleeping initial stage at least satisfactory, 80,5% of the subjects stated the same concerning the sleeping final stage, but only 22,1% of the subjects never presented interruptions while sleeping. Dreaming of alcohol had not been a frequent behaviour (27,3%) and the average craving rating was low; there is a connection between dreaming of alcohol and craving increase (p < 0,001). Dreams can be better used by professionals who assist chemical addicted patients, and indicators of a risk situation should be used in the techniques of Relapse Prevention.

O objetivo desta pesquisa foi avaliar a presença da relação entre os sonhos e craving em alcoolistas nos três primeiros dias de desintoxicação em unidades de internação hospitalar. Verificou-se se aqueles que tinham o craving aumentado relatavam sonhos com o tema álcool e analisou-se a qualidade do sono desses sujeitos. Foi um estudo transversal, de associação entre variáveis. A amostra foi de 77 sujeitos adultos do sexo masculino, dependentes de álcool, sem comorbidades clínicas ou psiquiátricas e não-dependentes de outras substâncias psicoativas, salvo a nicotina. Os instrumentos foram: entrevista estruturada; escala de avaliação do craving; questionário de avaliação do sono e dos sonhos; Mini-Mental State Examination e questionário Short-Form Alcohol Dependence Data. Quanto à fase inicial do sono, 67,6% considerou no mínimo satisfatória, 80,5% emitiu a mesma opinião quanto ao seu final, porém apenas 22,1% nunca apresentou interrupções durante o sono. Sonhar com álcool não foi um comportamento freqüente (27,3%), e a média de pontuação do craving foi fraca, havendo associação entre sonhar com álcool e um aumento no craving (p < 0,001). Os sonhos podem ser mais bem aproveitados pelos profissionais da dependência química, devendo ser utilizados elementos sinalizadores de uma situação de risco nas técnicas de prevenção à recaída.
Palavra-chave Dreams
sleep
alcohol
craving
Sonhos
sono
álcool
craving (fissura)
Idioma Português
Data de publicação 2004-01-01
Publicado em Archives of Clinical Psychiatry. Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, v. 31, n. 2, p. 63-69, 2004.
ISSN 0101-6083 (Sherpa/Romeo)
Publicador Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo
Extensão 63-69
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0101-60832004000200002
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0101-60832004000200002 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/1954

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0101-60832004000200002.pdf
Tamanho: 112.4KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta