Ecocardiografia transesofágica com contraste na detecção e graduacao da dilatação vascular intrapulmonar na hepatopatia crônica

Ecocardiografia transesofágica com contraste na detecção e graduacao da dilatação vascular intrapulmonar na hepatopatia crônica

Título alternativo Contraste enhangeb transesophageal echocardiography in detection and graduation of the intrapulmonary vascular dilatations in chronic hepatic dysfunction
Autor Fischer, Claudio Henrique Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Campos Filho, Orlando Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Alteracoes circulatorias, pulmonares, caracterizadas dilatacoes vasculares intrapulmonares e eventualmente fistulas, ocasionam passagem de sangue do leito arterial pulmonar para o venoso sem efetiva oxigenacao. A dilatacao vascular intrapulmonar e manifestacao que compoe a triade da sindrome hepatopulmonar e esta presente em outras patologias nas quais ocorre exclusao do sangue venoso hepatico eferente. O ecocardiograma transtoracico contraste tem sido utilizado como metodo diagnostico padrao, mas o ecocardiograma transesofagico com contraste pode constituir opcao diagnostica O objetivo deste estudo foi demonstrar a exequibilidade e ai seguranca do ecocardiograma transesofagico com contraste e avaliar seu impacto no, diagnostico e graduacao da dilatacao vascular intrapulmonar em pacientes cirroticos com suspeita de sindrome hepatopuimonar. Foram estudados 63 pacientes cirroticos ecocardiograma transesofagico com contraste seguido de ecocardiograma transtoracico com contraste, apos exclusao de patologias cardiacas ou pulmonares causadoras de desvio circulatorio) O teste de contraste foi feito atraves de injecao de solucao salina agitada em veia periferica e observacao de seu aparecimento tardio (mais de tres ciclos cardiacos) nas camaras esquerdas, o que era considerado teste positivo ao ecocardiograma transtoracico Foi realizada graduacao subjetiva do efeito de contraste ao ecocardiograma transesofagico, dividindo-se em graus minimo(I). Leve(II), moderado(III) e importante (IV). Nao houve complicacoes ou efeitos adversos maiores em decorrencia do ecocardiograma transesofagico com contraste ou da sedacao nos pacientes cirroticos. Ao ecocardiograma transtoracico com contraste, a diferenca alveolo-arterial de oxigenio mostrou-se significantemente mais elevada no grupo com teste positivo para dilatacao vascular intrapulmonar que o grupo com teste negativo. Observou-se que o ecocardiograma transesofagico com contraste realizado em dois tercos de 20 pacientes de um grupo controlea(au)
Palavra-chave Ecocardiografia/métodos
Ecocardiografia Transesofagiana
Vasodilatação Pulmonar
Cirrose Hepática
Síndrome Hepatopulmonar
Idioma Português
Data de publicação 2003
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2003. 99 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 99 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/19406

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta