Hiperplexicos com transtorno de Asperger

Hiperplexicos com transtorno de Asperger

Título alternativo Hypertexics with Asperger's syndrome: chacaracterization of texta and words reading and writing
Autor Silva, Renata Cristina Dias da Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivo: Verificar as habilidades de leitura, escrita e consCiência fonologica de sujeitos com diagnostico de Transtorno de Asperger que tenham apresentado historico de Hiperlexia e investigar possiveis correlacoes com a idade, nivel de inteligencia e tempo de escolaridade. Metodos: A amostra foi composta por 16 sujeitos, do sexo masculino com linguagem verbal e idade media de 15.4, cujos pais autorizaram a participacao no estudo e relataram que os mesmos haviam comecado a ler precocemente sem ensino formal previo e com pouca compreensao. Todos os sujeitos eram escolarizados, nao apresentavam limitacoes sensoriais e foram encaminhados com diagnostico de Transtorno de Asperger para as Disciplinas de Disturbios da Comunicacao Humana e de Disturbios da Audicao da UNIFESP-EPM. ja tendo sido avaliados o nivel intelectual. A testagem foi composta por uma Prova de Leitura em Voz Alta, Avaliacao da Velocidade de Leitura, Recontagem de Texto, Prova de ConsCiência Fonologica, Ditado e Escrita Semi-Dirigida de Textos. Todos os procedimentos foram filmados e gravados, sendo aplicados em duas sessoes individuais. Na leitura, foram examinadas as habilidades de exatidao, velocidade e compreensao; na consCiência fonologica averiguaram-se habilidades de sintese silabica e fonemica, rima, aliteracao, analise silabica e fonemica, manipulacao silabica e fonemica, transposicao silabica e fonemica e na escrita avaliou-se a exatidao e a construcao semidirigida de textos com base em sequencias de figuras. Resultados: Os sujeitos tiveram alto indice de acertos na exatidao de leitura e escrita, apresentaram grande variacao quanto a velocidade e compreensao de leitura, estando deficitarias na maioria dos casos. Na consCiência fonologica, de modo geral, tiveram desempenhos abaixo do esperado para a idade, com mais dificuldades nas tarefas fonemicas. Na escrita de textos houve variacoes de 5 a 25 nodos. Houve correlacao entre o nivel intelectual e todas habilidades de leitura. entre a exatidao de leitura e a exatidao de escrita, entre a velocidade de leitura e a compreensao dos textos, entre a consCiência fonologica e a construcao dos textos, e desta ultima com a ordenacao das figuras. Conclusoes: Nestes individuos nao foi observado um padrao uniforme de habilidades
Palavra-chave Síndrome de Asperger
Transtornos de Aprendizagem
Desenvolvimento da Linguagem
Leitura
Escrita Manual
Consciência
Idioma Português
Data de publicação 2004
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2004. 130 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 130 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/18884

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta