Alteracoes nucleares precoces e expressao imuno-histoquimica das proteinas Ki-67, Erb-B2, fator de crescimento vascular endotelial, fator beta de transformacao do crescimento e da quinase ligada a integrina em carcinoma de mama antes e dois dias apos o tratamento com tamoxifeno

Alteracoes nucleares precoces e expressao imuno-histoquimica das proteinas Ki-67, Erb-B2, fator de crescimento vascular endotelial, fator beta de transformacao do crescimento e da quinase ligada a integrina em carcinoma de mama antes e dois dias apos o tratamento com tamoxifeno

Título alternativo Short-term nuclear changes and immunohistochemical expression of Ki-67, Erb-B2, VEGF-beta 1 and ILK in breast carcinoma before and two days after treatment with tamoxifen
Autor Morena, Ana Maria Lira Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivo: realizar estudo em amostras de carcinoma de mama antes e dois dias depois do tratamento com tamoxifeno para analise das alteracoes histopatologicas precoces, em especial as nucleares, e das expressoes imuno-histoquimicas das proteinas Ki-67, Erb-B2, VEGF, TGF-beta1 e ILK. Metodos: foram estudados 21 casos de carcinoma de mama ductal e lobular invasivos. As pacientes submeteram-se a biopsia da lesao e, apos confirmacao do diagnostico, receberam tamoxifeno 20 mg/dia, iniciado dois dias antes da cirurgia. As amostras das biopsias e das pecas cirurgicas foram coradas com HE para diagnostico histopatologico. O metodo imuno-histoquimico foi empregado para deteccao do Ki-67, da proteina Erb-B2, do fator de crescimento vascular endotelial (VEGF), do fator beta de transformacao do crescimento (TGF-beta1) e da quinase ligada a integrina (ILK). Resultados: dois dias apos o tratamento com tamoxifeno observaram-se: 1) diminuicao do volume celular, condensacao da cromatina, nucleolos menos evidentes e limites nucleares mais nitidos; 2) diminuicao significante da expressao da proteina Erb-B2 e aumento significante da expressao da proteina TGF-beta1; 3) a expressao das demais proteinas (Ki-67, VEGF e ILK) nao apresentou alteracao no periodo de tempo indicado. Conclusao: os resultados sugerem que a analise das alteracoes nucleares e da expressao das proteinas Erb-B2 e TGF-beta1 podem ser uteis como parametros para avaliacao da resposta inicial ao tamoxifeno
Palavra-chave Neoplasias da Mama
Tamoxifeno
Imuno-Histoquímica
Fator de Crescimento Transformador beta
Idioma Português
Data de publicação 2004
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2004. 71 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 71 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/18870

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta