Distribuição de adrenoreceptores alfa-1 e caracterização de elementos neurais ao longo do epidídimo de ratos

Distribuição de adrenoreceptores alfa-1 e caracterização de elementos neurais ao longo do epidídimo de ratos

Título alternativo Distribuition of alpha 1-adrenoceptors and characterization of neuronal elements along rat epididymis
Autor Queiróz, Daniel Barboza Cava Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Avellar, Maria Christina Werneck de Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo No presente) trabalho I a distribuicao dos adrenoceptores ai e', a caracterizacao de elementos neuronais foi analisada ao longo do epididimo de ratos em com 40 dias (animais imaturos) e 120 dias de idade (animais adultos). Foram, realizados ensaios' de Westem blot, imunohistoquimica ei de imunofluorescencia com anticorpos seletivos (AMA, ADR-B e ADR-D) ou nao seletivo (ADR-1) para os adrenoceptores a,A, a,,3 e a,p. O anticorpo ADR-A foi o unico anticorpo seletivo efetivo para os ensaios utilizados em epididimo de ratos Este anticorpo, em ensaios de Westem blot, reconheceu de forma especifica uma banda com aproximadamente 70 kDa na cabeca e cauda do epididimo de ratos com 40 dias e 120 dias de idade e uma banda, de aproximadamente 46 kDa, na cabeca e cauda dos animais imaturos., Ensaios de imunohistoquimica e, posteriormente, de imunofluorescencia com o anticorpo ADR-A indicaram imunomarcacao das celulas da musculatura lisa e celulas epiteliais presentes da cabeca e cauda do epididimo de ratos nas duas idades analisadas. Na camada muscular a imunomarcacao nao foi homogenea, apresentando-se concentrada na regiao mais periferica da celula muscular lisa, associada a membrana celular. Nas celulas epiteliais a imunorreatividade ocorreu predominantemente na regiao nuclear. Os ensaios de imunofluorescencia, juntamente com o marcador fluorescente DAPI, confirmaram a co-localizacao da marcacao do adrenoceptor a1A com a regiao nuclear das celulas epiteliais. Alem disso, observou-se que nem, todas) as I celulas) epiteliais expressavam positivamente o adrenoceptor 1A. Qualitativamente o numero de elementos positivos ao anticorpo ADR-A foi maior na cauda do que na cabeca do epididimo de ratos com 40 e 120 diasa(au)
Palavra-chave Epididimo
Receptores adrenérgicos alfa 1
Neurônios
Genitália masculina
Reprodução
Idioma Português
Data de publicação 2004
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2004. 119 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 119 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/18753

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta