Correlacoes clinico-radiologicas da COMP(cartilage oligomeric matrix protein) em individuos com osteoartrite de joelhos

Correlacoes clinico-radiologicas da COMP(cartilage oligomeric matrix protein) em individuos com osteoartrite de joelhos

Título alternativo Clinical-radiological correlations of COMP( cartilage oligomeric matrix protein) in knee osteoadthritis
Autor Fernandes, Fatima Aparecida Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivo: Avaliar a correlacao entre os niveis sericos do marcador de degradacao de cartilagem COMP (cartilage oligomeric matrix protein) com o quadro clinico e radiologico de pacientes com osteoartrite (OA) isolada de joelhos e individuos assintomaticos em uma amostra da populacao brasileira. Metodos: Foram avaliados 278 pacientes com dor no joelho uni ou bilateral com duracao de pelo menos 3 meses, realizado anamnese e exame fisico. Foram selecionados 86 pacientes com criterios clinicos de OA de joelhos segundo o ACR, e excluidos aqueles com outras causas de dor em joelhos e OA em outras articulacoes nao axiais; 58 individuos voluntarios assintomaticos do ponto de vista osteoarticular formaram o grupo controle. Foram realizados os questionarios de Lequesne, WOMAC, escala visual analogica de dor, radiografias dos joelhos em posicao ortostatica Anteroposterior e coleta de sangue para dosagem de COMP por ELISA. As radiografias foram classificadas por avaliador cego de acordo com o indice de Kellgren e Lawrence (KL).As correlacoes entre os indices algofuncionais, o grau radiologico e os niveis de COMP foram avaliados por metodos estatisticos apropriados. Resultados: Os niveis sericos de COMP foram maiores nos individuos com OA sintomatica em relacao aos controles e aqueles com perda de espaco articular assintomatica (p<0,0001).Pacientes com quadro clinico de OA com grau radiologic KL=0 ou 1, tiveram niveis de COMP intermediarios, significantemente maiores que grupo controle (p<0,03).Os niveis de COMP serica tambem foram significantement maiores nos individuos com KL=3 e 4 (p<0,0001). Conclusoes: Demonstrou-se que a COMP serica se eleva significativamente na OA sintomatica e radiologica e pode sugerir lesao cartilaginea em pacientes sintomatico bem selecionados clinicamente com radiologia ainda sem alteracoes significativas
Palavra-chave Cartilagem
OSTEOARTRITE DE JOELHO
Radiologia
Marcadores Biológicos
Idioma Português
Data de publicação 2004
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2004. 125 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 125 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/18737

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta