Niveis de TREC(T cell receptor excision circles) em receptores de transplante cardiaco

Niveis de TREC(T cell receptor excision circles) em receptores de transplante cardiaco

Título alternativo Levels of TREC(T cell receptor excision circles) in cardiac transplant recipients
Autor Silva, Adalberto Socorro da Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivo: Circulos de Excisao do Receptor de Celulas T (TRECs, de T cell Receptor Excision Circles) sao epissomas de DNA, gerados por um processo de recombinacao que ocorre em linfocitos para a producao de receptores de celulas Taj3. A medida da quantidade de TRECs em celulas do sangue, tem sido usada para o estudo de output timico em algumas situacoes clinicas. Esta medida tem se mostrado util no monitoramento da funcao do timo apos transplante de celulas tronco heamatopoeticas e em pacientes infectados com o HIV-1. 0 objetivo do presente trabalho foi analisar a funcao do timo, em termos de output de linfocitos, no pos-transplante cardiaco, atraves da medida do nivel de TRECs em celulas mononucleares do sangue. Metodo: Niveis de TRECs foram avaliados por PCR competitivo com competidor em celulas mononucleares do sangue de 66 individuos saudaveis (uma amostra de cada paciente) e de 27 receptores de transplante cardiaco (total de 69 amostras). Resultados: (1) observamos uma correlacao negativa entre idade e niveis de TREC tanto em pacientes (r=-0,4, p<0,0001) quanto em individuos saudaveis (r=-0,6, p<0,0001); (2) a comparacao entre o grupo de receptores de transplante cardiaco e o grupo de individuos saudaveis da mesma faixa etaria, demonstrou menores niveis de TREC no grupo de pacientes (medianas 0,5 vs 89,9, p< 0001). (3) niveis de TRECs foram mais altos durante os episodios de rejeicao aguda quando comparados a periodos de nao rejeicao (medianas 9,0 vs 0,3, p< 001). Conclusoes: (1) a quantidade de TRECs, nas celulas mononucleares do sangue, e menor em receptores de transplante cardiaco quando comparados com individuos saudaveis, esse fato provavelmente esteja associado a imunossupressao ; (2) o nivel de TRECs, nas celulas mononucleares do sangue, e maior durante os periodos de rejeicao do que durante os periodos de nao rejeicao do enxerto. Embora esse fenomeno requeira estudos posteriores, talvez ele possa ser util como uma ferramenta nao invasiva para a monitorizacao da rejeicao aguda
Assunto Transplante de Coração
Rejeição de Enxerto
Idioma Português
Data 2003
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2003. 58 p.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 58 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/18670

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta