Biosseguranca: conhecimento, acidentes e cobertura vacinal entre enfermeiras

Biosseguranca: conhecimento, acidentes e cobertura vacinal entre enfermeiras

Título alternativo Biosecurity: knowledge, accidents and vicinal coverage among nurses
Autor Santos, Eliana Aparecida Vieira Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivos: caracterizar as enfermeiras e seu conhecimento sobre biosseguranca; relacionado com fatores pessoais, de formacao profissional e ocupacionais; verificar a ocorrencia de acidentes com materiais biologicos; identificar a cobertura vacinal dessas enfermeiras. Metodologia: pesquisa epidemiologica analitica, com desenho transversal nao controlado. A partir da populacao de 490, constituiu-se amostra estratificada de 90 profissionais enfermeiras de dois hospitais da rede publica do Municipio de São Paulo, que responderam a um questionario estruturado. Resultados: houve predominio do sexo feminino (87,8 por cento), com faixa etaria inferior a 30 anos (42,2 por cento). A Odss Ratio = 1,167 mostrou que as enfermeiras do hospital A apresentaram a mesma chance de sofrer acidentes que as do B. As enfermeiras assistenciais mostraram maior chance Odds rabo =8,617 de sofrer acidentes em relacao as encarregadas. Houve relacao significativa entre o grau excelente de conhecimento e as enfermeiras do hospital A (p= 0,008); com menor tempo de experiencia profissional (p= 0,033); houve uma tendencia de relacao entre conhecimento excelente e ausencia de treinamento em biosseguranca (p= 0,096). Conclusoes: as enfermeiras mais jovens e que se formaram recentemente, demonstraram melhores niveis de conhecimento sobre biosseguranca, provavelmente por terem recebido no Curso de Graduacao conhecimento a respeito das normas atualizadas. Ao se verificar a classe de conhecimento sobre precaucoes e isolamentos, as enfermeiras apresentaram media porcentual de acertos inferiores quando comparada as outras classes de conhecimento a respeito de biosseguranca; Independente de treinamento sobre biosseguranca, mostraram bom nivel d conhecimento. Os acidentes com respingos de fluidos corporeos ocorreram e todos os setores; a cobertura vacinal contra hepatite B foi elevada em ambos o hospitais pesquisados
Assunto Medidas de Segurança
Enfermagem
Acidentes
Vacinas
Idioma Português
Data 2003
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2003. 161 p.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 161 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/18603

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)