Expressão intra-enxerto de mRNA de Fas, Fas ligante e Fas solúvel em relação à rejeição aguda de transplante cardíaco humano

Expressão intra-enxerto de mRNA de Fas, Fas ligante e Fas solúvel em relação à rejeição aguda de transplante cardíaco humano

Título alternativo Intragraft mRNA expression of Fas, Fas ligant and soluble Fas in relation to acute rejection of human cardiac transplantation
Autor Pérez, Elizabeth Cristina Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Gerbase-Lima, Maria Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivo: Estudar a participacao das moleculas Fas, FasL e Fas soluvel na reacao de rejeicao ao transplante cardiaco no homem. Metodo: a expressao de mRNA de FasL, Fas e sFas foi estudada em 21 pares de biopsias endomiocardicas (biopsias com e sem rejeicao do mesmo receptor), de 18 receptores de transplante cardiaco. A expressao de mRNA foi determinada atraves do metodo de RT-PCR quantitativo com competidor. Como controle interno, utilizamos a expressao do gene RNA polimerase II subunidade K (POLR2K), apos realizarmos experimentos que permitiram concluir que a expressao de POLR2K e adequada para esta finalidade. Resultados: (A) Validacao do uso de mRNA de POLR2K como controle interno de RTPCR: 1) a variacao da efiCiência da transcricao reversa foi menor para POLR2K do que para rRNA 18S (medianas de 33 por cento e 68 por cento, p=0,006), respectivamente (p=0,06); 2) houve correlacao entre a expressao de mRNA de POLR2K e rRNA 18S (r=0,7, p=0,0006); 3) nao houve diferenca significante da expressao de mRNA de POLR2K entre periodos com rejeicao (R) e sem rejeicao (SR); 4) a variacao de expressao entre periodos com R e SR foi menor para mRNA de POLR2K do que para rRNA 18S (p=0,02) (B) Resultados referentes a expressao de mRNA de Fas, FasL e Fas soluvel: 1) a expressao de mRNA FasL e Fas foi maior em amostras com R do que em amostras SR (medianas: FasL 6,9 vs. 3,7, p=0,03; Fas 96,5 vs. 75,4, p=0,003); 2) a expressao de mRNA de sFas nao apresentou diferenca significante entre R e SR; 3) em periodo com R, houve correlacao positiva entre a expressao dos genes Fas e FasL (r=0,5, p=0,008), Fas e sFas (r=0,4, p=0,04), FasL e sFas (r=0,5, p=0,01); 4) em periodo SR, houve tendencia a correlacao entre a expressao de mRNA de Fas e sFas (r=0,3, p=0,07) e nao houve correlacao entre a expressao de mRNA de Fas e FasL ou de FasL e sFas; 5) a especificidade e sensibilidade do aumento da expressao de FasL e de Fas em relacao ao diagnostico de rejeicao foram baixos: 60,0 e 76,2 por cento, respectivamente, para FasL, e 61,9 e 76,2 por cento, respectivamente, para Fas. Conclusoes: A) a expressao de mRNA de POLR2K e um controle adequado para estudos de expressao genica em biopsias endomiocardicas em transplante cardiaco; B) os resultados confirmam...(au)
Palavra-chave Transplante de coração
Rejeição de enxerto
Biópsia
Idioma Português
Data de publicação 2003
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2003. 74 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 74 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/18598

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta