Comparacao dos efeitos da inalacao de sevoflurano e isoflurano em diferentes concentracoes sobre a hemodinamica sistemica e visceral e indice bispectral

Comparacao dos efeitos da inalacao de sevoflurano e isoflurano em diferentes concentracoes sobre a hemodinamica sistemica e visceral e indice bispectral

Título alternativo Comaprison of the effects of inhalation of sevoflurane and isoflurane in different concentrations in systemic and visceral hemodinamycs and bispectral index
Autor Girardi, Cassio Roberto de Araujo Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Este estudo visa comparar as repercussoes hemodinamicas da anestesia com Sevoflurano(SEVO) e lsoflurano(ISOF) em diferentes concentracoes no que concerne a circulacao sistemica e regional pulmonar e gastrica. Paralelamente busca-se estabelecer correlacao entre profundidade da anestesia e indice bispectral. Foram estudados 15 pacientes de ambos sexos, idade entre 18 e 65 anos, ASA 1, aleatoriamente divididos em 2 grupos. Sevo n=7 e Isof n=8. Todos receberam, respectivamente 8h e 2h antes do estudo 10mg de diazepam e 50mg de ranitidina. Anestesia geral padrao: Fentanil 100., Propofol 3mg.Kg-', vecuronio 0,1mg.Kg-'. A monitorizacao incluia: ECG, PANI, oximetro, tonometro gastrico, doppler esofagico, BIS, gasometro arterial, analisador de gases. Apos intubacao iniciava-se o tratamento com o anestesico inalatorio. A concentracao expirada do inalatorio era levada ate o nivel correspondente a 0,5 CAM, estabilizada por 30min, elevada ao nivel 1,0 CAM estabilizada 1 Omin, elevada a 1,5 CAM onde permanecia outros 30min. Variaveis sistemicas: debito cardiaco(DC), frequencia cardiaca(FC), pressao arterial media (PAM), resistencia vascular sistemica(RVS) e BIS foram anotados ao final dos 3 momentos. O pH arterial e intramucoso, pressao regional de C02 e fracao expiratoria final de C02 foram anotados com 0,5 e 1,5 CAM devido ao tempo de estabilizacao exigido por estes metodos. As variaveis foram medidas antes do inicio do procedimento cirurgico. Os grupos foram comparaveis estatisticamente. Apesar de nao existirem variacoes significativas do DC e do IC, a RVS foi reduzida significativamente em ambos grupos a medida que se elevava a...(au)
Palavra-chave Anestésicos Inalatórios
Hemodinâmica/efeitos de drogas
Ensaios Clínicos Controlados Aleatórios como Assunto
Idioma Português
Data de publicação 2003
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2003. 89 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 89 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/18392

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta