Craniometria do osso nasal e processo frontal da maxila relacionada com o sexo e índice crânico horizontal

Craniometria do osso nasal e processo frontal da maxila relacionada com o sexo e índice crânico horizontal

Título alternativo Craniometric study of the nasal bones and frontal processes of the maxila regarding gender and cranial horizontal index
Autor Costa, Jecilene Rosana Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Prates, José Carlos Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo O nariz e o traco fisionomico da aparencia facial e para bem trata-lo o cirurgiao plastico e o otorrinolaringologista devem conhecer os detalhes da anatomia e fisiologia do cranio e da face. A rinoplastia continua a ser uma preocupacao para os cirurgioes vista a necessidade de se obter bons resultados esteticos e funcionais, alem de se procurar evitar lesoes das vias lacrimais. Este trabalho teve por objetivos verificar a simetria entre os ossos nasais, averiguar medidas dos ossos nasais e processos frontais da maxila ate as cristas lacrimais anteriores, relacionar as medidas com os tipos cranianos e relacionar as medidas com os sexos. Foram utilizados 121 cranios (71 masculinos e 50 femininos) pertencentes ao Museu de Anatomia da Universidade Federal de São Paulo - Escola Paulista de Medicina. Primeiramente mediu-se o indice Cranico Horizontal (ICH), definido como a relacao centesimal entre o diametro transverso maximo e antero-posterior maximo do cranio, desta forma os cranios foram separados em braquicranios, mesocranios e dolicocranios. A seguir foram determinados 11 pontos de referencia nos cranios: nasion, rhinion e pontos entre as suturas maxilonasais. Resultando 2.416 mensuracoes e testes estatisticos, observando que nao ocorreram diferencas significanteE entre os lados direito e esquerdo entre os grupos cranianos; os tipos craniano: masculinos nao apresentaram diferencas significantes entre suas medidas e os tipos cranianos femininos apresentaram diferencas. Concluimos que os osso; nasais sao simetricos, a largura do processo frontal da maxila ate a crista lacrimal anterior tem media de 7,16 mm nos cranios masculinos e 6,47 no; femininos, os cranios masculinos nao apresentam diferencas significantes entre si, enquanto que os femininos apresentam diferencas na largura, sendo o: braquicranios maiores que os mesocranios e estes maiores que o dolicocranios, e tambem na altura lateral, sendo os braquicranios menores que os mesocranios e estes menores do que os dolicocranios. Alem disso, o cranios masculinos possuem as medidas dos ossos nasais e processos frontal da maxila maiores do que os cranios femininos
Palavra-chave Circunferência Craniana
Osso Nasal
Idioma Português
Data de publicação 2003
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2003. 52 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 52 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/18384

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta