Volume equivalente e prova da funcao tubaria: um estudo em individuos com otite media cronica

Volume equivalente e prova da funcao tubaria: um estudo em individuos com otite media cronica

Título alternativo Equivalent ear canal volume and tubal function test: study in subjects with chronic otitis media
Autor Alencar, Ana Paula Teixeira de Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivo: O objetivo do presente estudo foi estudar o volume equivalente de 52 orelhas e a funcao da tuba auditiva de pacientes com Otite Media Cronica com e sem infeccao ativa. Metodos: O volume equivalente da orelha foi obtido em 52 orelhas com Otite Media Cronica com e sem infeccao ativa, e num grupo controle de mesma idade e sexo do grupo estudo. A prova de funcao tubaria foi realizada apenas no grupo estudo e foi obtida por meio da vedacao do Meato Acustico Externo com pressao positiva e da degluticao de goles de agua. O grupo estudo com infeccao foi avaliado pre e pos-tratamento clinico. Resultados: A media do volume equivalente para os grupos estudos sem e com infeccao e para o grupo controle foi, respectivamente, 2,86 ml; 1,42 ml e 0,80 ml. A media do volume equivalente para o grupo estudo com infeccao pre e pos-tratamento clinico foi, respectivamente, 1,42 ml e 1,82 ml. Na avaliacao da funcao tubaria, 64,2 por cento dos individuos do grupo estudo sem infeccao e 70,9 por cento do grupo estudo com infeccao nao reduziram a pressao e nao houve variacao no funcionamento da tuba no grupo estudo com infeccao pre e pos-tratamento clinico. No grupo com infeccao foi observado volume medio equivalente diferente, segundo o grau de funcionamento da tuba auditiva. Conclusoes: 1) o volume equivalente da orelha, medio, e maior em pacientes com Otite Media Cronica sem e com infeccao ativa, que em pacientes sem perfuracao de Membrana Timpanica, sendo respectivamente de 2,86 ml; 1,42 ml e 0,8 mL 2) Ha uma tendencia do volume equivalente da orelha ser maior apos tratamento clinico. 3) 60 a 70 por cento dos pacientes com Otite Media Cronica nao apresentam reducao de pressao intratimpanica a Prova de Funcao Tubaria. 4) Ha correlacao entre o funcionamento da tuba auditiva e o volume equivalente das orelhas, nao ocorrendo o mesmo nos pacientes sem infeccao
Palavra-chave Otite Média Supurativa
Tuba Auditiva
Testes de Impedância Acústica
Idioma Português
Data de publicação 2003
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2003. 51 p.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 51 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/18367

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta