Analise de custos da internacao de pacientes de terapia intensiva com infeccoes causadas por Pseudomonas aeruginosa e Acinetobacter baumannii multirresistentes

Analise de custos da internacao de pacientes de terapia intensiva com infeccoes causadas por Pseudomonas aeruginosa e Acinetobacter baumannii multirresistentes

Título alternativo Cost analysis of intensive care unit hospitalization of patients with multiresistant Pseudomona aeroginosa and Acinetobacter baumannii infections
Autor Martins, Sinaida Teixeira Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Os pacientes graves que requerem cuidados intensivos prolongados estao mais expostos a riscos de adquirirem infeccoes. Muitas destas sao causadas por microorganismos multirresistentes, determinando aumento do periodo de hospitalizacao, da mortalidade e dos custos assistenciais. OBJETIVO: Avaliar o custo direto das infeccoes hospitalares por Pseudomonas aeruginosa e Acinetobacter baumannii multirresistentes em unidade de terapia intensiva (UTI). MATERIAL E METODOS: Foi realizado um estudo tipo caso-controle na UTI geral de adultos da Disciplina de Anestesiologia, Dor e Terapia Intensiva Cirurgica do Hospital São Paulo no periodo de 01 de marco de 1997 a 31 de agosto de 1998. Foram considerados pacientes casos os 46 pacientes com infeccao hospitalar por A. baumannn elou P. aeruginosa sensivel apenas a polimixina B. Quarenta e seis pacientes controles foram selecionados na mesma unidade de internacao que nao apresentaram infeccao hospitalar. 0 sucesso de pareamento foi de 96,57 por cento para os criterios: idade, sexo, data de internacao, similar diagnostico na admissao e numero de comorbidades. Foram considerados para analise os custos diretos referentes ao atendimento aos pacientes (diaria hospitalar, antimicrobianos, interconsultas, cirurgias, exames laboratoriais, entre outros). Os valores foram estimados em dolar americano, com base na cotacao media de dezembro 2001: US$ 1.00 = R$ 2,36. RESULTADOS: Foram avaliados 1033 pacientes internados na UTI neste periodo, equivalentes a 6794 pacientes-dia. Foi utilizado os criterios para o diagnostico de infeccao hospitalar do Nacional Nosocomial Infection Surveillance System (NNISS). A media das infeccoes hospitalares por 1000 pacientes-dia foi de 52,53 e a media das infeccoes hospitalares por Pseudomonas aeruginosa e Acinetobacterbaumannii multirresistentes foi de 9,95 por 1000 pacientesdia. A pneumonia e a infeccao de trato urinario foram as infeccoes mais frequentes. A media de permanencia na UTI foi 45 dias para os casos e 6,8 dias para os controles (p<0,001), com um custo medio de...(au)
Palavra-chave Infecção Hospitalar
Unidades de Terapia Intensiva
Bactérias Gram-Negativas
Resistência a Múltiplos Medicamentos
Custos Hospitalares
Idioma Português
Data de publicação 2002
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2002. 124 p. tabgraf.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 124 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/18304

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta