Presenca de fibras aferentes primarias nociceptivas nos nucleos do sistema intersticial do trato espinhal do nervo trigemeo no rato

Presenca de fibras aferentes primarias nociceptivas nos nucleos do sistema intersticial do trato espinhal do nervo trigemeo no rato

Título alternativo Substance P-immunoreactive nerve fibers in the intersticial system nuclei of the spinal trigeminal tract in the rat
Autor Kalassa, Fernanda Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivo: A Substancia P e um neuropeptideo encontrado tambem em fibras aferentes primarias dos tipos C e Ad, que conduzem impulsos nociceptivos. Estas fibras sao sensiveis a acao toxica da capsaicina. Quando aplicada subcutaneamente (50 mg/kg) em animais recem-nascidos, a capsaicina destroi uma parcela significativa das fibras dos tipos C e A8. Sendo assim, o objetivo deste trabalho foi verificar se os nucleos paramarginal dorsal e paratrigeminal recebem fibras aferentes primarias imunorreativas para a Substancia P, e se essas fibras sao sensiveis a acao da capsaicina. Esse estudo teve tambem como objetivo verificar a distribuicao destas fibras ao longo do eixo rostro caudal do nucleo paratrigeminal. Metodos: Ratos (Rattus rattus, linhagem Wistar) com dois dias de vida foram separados em dois grupos. Um grupo recebeu uma dose via subcutanea de capsaicina (50mg/kg). O outro grupo recebeu o mesmo volume apenas com o veiculo da droga. Apos tres meses todos os animais foram perfundidos e seus troncos encefalicos, juntos com os primeiros segmentos da regiao cervical da medula espinal, foram dissecados, cortados e submetidos a imunoistoquimica para o neuropeptideo Substancia P. Uma serie de cortes foi corada com Kluver-Barrera. Resultados: Apos analise dos cortes em microscopio de epifluorescencia e comparacoes destes com os cortes da colecao de referencia, foi observado que o nucleo paramarginal dorsal recebe fibras aferentes primarias imunorreativas para a Substancia P ao longo de toda a sua extensao rostro caudal. Ja o nucleo paratrigeminal recebe fibras aferentes imunorreativas para a Substancia P apenas nas suas regioes caudal e intermedia. Conclusoes: O tratamento com a capsaicina e a subsequente imunoistoquimica para a Susbtancia P, possibilitaram mostrar que o nucleo paramarginal dorsal e a regiao caudal e intermedia do nucleo paratrigeminal recebem fibras aferentes primarias imunorreativas para a Substancia P. Como este neuropeptideo esta presente nas fibras C e A8, que conduzem impulsos nociceptivos, podemos inferir que estas regioes que mostram imunorretividade para a Substancia P sao regioes...(au)
Palavra-chave Capsaicina
Substância P
Núcleo Espinal do Trigêmeo
Núcleos do Trigêmeo
Idioma Português
Data de publicação 2002
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2002. 55 p. ilustab.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 55 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/18287

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta