A avaliação da adesão, migração e proliferação da linhagem celular CHO=K1 frente a mutante CHO-745 deficiente na biossíntese de glicosaminoglicanos sulfatados: amostra que a integrina alfa-5beta-1 e um proteoglicano envolvido na migração celular

A avaliação da adesão, migração e proliferação da linhagem celular CHO=K1 frente a mutante CHO-745 deficiente na biossíntese de glicosaminoglicanos sulfatados: amostra que a integrina alfa-5beta-1 e um proteoglicano envolvido na migração celular

Título alternativo The role of cell surface glycosaminoglycans in cell division: adhesion and proliferation of CHO cells and CHO-K1 cells and a mutant CHO-745 which is deficient in syntesis of proteoglycans due to lack of activity of xylosyl transferase
Autor Franco, Celia Regina Cavichiolo Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Dietrich, Carl Peter Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Na presente tese examinamos o papel dos proteoglicanos e glicosaminoglicanos na divisao celular: adesao e proliferacao de celulas em cultura CHO (chinese hamster ovary) e sua mutante CHO-745 que e deficiente na sintese de glicosaminoglicanos devido a falta da enzima xilosiltransferase. Usando diferentes quantidades de celulas (selvagem e mutante) pouca adesao pode ser observada na presenca de laminina e colageno tipo I. Entretanto quando fibronectina e vitronectina foram usadas como substratos houve um aumento de adesao dos dois tipos celulares. Somente a CHO selvagem mostrou adesao em funcao do tempo sobre colageno tipo IV. Estes resultados sugerem que as duas linhagens celulares possuem diferentes propriedades de adesao. Ensaios de adesao usando colageno tipo IV com celulas CHO cultivadas na presenca de xilosideo ou clorato, mostraram reducao nos niveis de adesao, confirmando a importancia dos glicosaminoglicanos neste fenomeno. Varias evidencias experimentais sugerem que os proteoglicanos de hepara sulfato estao envolvidos na adesao celular como moduladores positivos da proliferaca celular e como composto chave no processo de divisao celular. Ensaios de proliferacao e ciclo celular demonstraram que uma diminuicao das quantidades do proteoglicano nao inibem a proliferacao da mutante CHO-745 quando comparadas com a celula selvagem pois os dois tipos celulares entram na fase S ao redor das 8 horas. A inteiracoes celulas-matriz estao implicadas em uma grande variedade d funcoes. Estas inteiracoes sao principalmente mediadas por integrinas que sa receptores da superficie celular e estao aparentemente envolvidas em adesao, migracao e diferenciacao. Por exemplo, a asj3, integrina esta envolvida na migracao e adesao da celulas sobre fibronectina. Tambem neste estudo, usando marcacao radioativa com sulfato e imunoprecipitacao...(au)
Palavra-chave Glicosaminoglicanas
Proteoglicanas
Heparitina Sulfato
Migração
Receptores de Fibronectina
Células CHO
Idioma Português
Data de publicação 2002
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2002. 231 p. ilustab.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 231 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/18189

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta