Avaliação do ângulo ano-retal por meio de defecograma em voluntárias assintomáticas nulíparas e multíparas

Avaliação do ângulo ano-retal por meio de defecograma em voluntárias assintomáticas nulíparas e multíparas

Título alternativo Measurement of the anorectal angle by defecography in asymptomatic nulliparous and multiparous volunteers
Autor Santos, José Eduardo Mourão Autor UNIFESP Google Scholar
D'Ippolito, Giuseppe Autor UNIFESP Google Scholar
Leme, Lígia Maria Google Scholar
Sañudo, Adriana Autor UNIFESP Google Scholar
Shigueoka, David Carlos Autor UNIFESP Google Scholar
Szejnfeld, Jacob Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Universidade Federal do Mato Grosso do Sul Departamento de Clínica Médica
Resumo OBJECTIVE: We developed a protocol to compare the measurements of the anorectal angle in nulliparous and multiparous asymptomatic volunteers in three different situations. SUBJECTS AND METHODS: Defecograms were carried out in 30 women (15 nulliparous and 15 multiparous) from May, 1997 to December, 1998. After rectal administration of texturized barium contrast media, lateral radiographic views of the rectum were obtained at rest, during contraction of the puborectal muscle and during defecation. A repeated measures model was used for the statistical analysis. RESULTS: There were no significant differences between the mean anorectal angles of nulliparous and multiparous volunteers. Measurements were as follows: 92.9° at rest, 78.8° during the contraction of the puborectal muscle and 117.9° during defecation for the nulliparous volunteers; 94.3° at rest, 79.7° during the contraction of the puborectal muscle and 121.4° during defecation for the multiparous volunteers. A significant difference was observed between the anorectal angle measurements at rest, during contraction of the puborectal muscle and during defecation. CONCLUSION: There were no significant differences between the anorectal angle measurements of the two groups of volunteers examined.

OBJETIVO: Fizemos um protocolo para compararmos as medidas dos ângulos ano-retais em três situações diferentes, em voluntárias assintomáticas nulíparas e multíparas. CASUÍSTICA E MÉTODOS: Foram realizados defecogramas em 30 mulheres (15 nulíparas e 15 multíparas), de maio de 1997 a dezembro de 1998, e obtidas incidências radiográficas em perfil do reto após introdução de contraste baritado texturizado: em repouso, durante contração do músculo puborretal e durante a evacuação. Na análise estatística foi utilizada a análise de medidas repetidas. RESULTADOS: A média do ângulo não apresentou diferença significante entre as voluntárias nulíparas e multíparas. O ângulo mediu, nas nulíparas, 92,9° em repouso, 78,8° durante a contração do músculo puborretal e 117,9° durante a evacuação, e nas multíparas mediu 94,3° em repouso, 79,7° durante a contração do músculo puborretal e 121,4° durante a evacuação. Foi observada diferença significante entre os ângulos em repouso, durante a contração do músculo puborretal e durante a evacuação. CONCLUSÃO: Não houve diferença significante entre os dois grupos examinados.
Palavra-chave Defecography
Anus
Rectum
Defecation
Pelvis
Female
Defecografia
Ânus
Reto
Defecação
Pelve
Feminino
Idioma Português
Data de publicação 2003-08-01
Publicado em Radiologia Brasileira. Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem, v. 36, n. 4, p. 219-224, 2003.
ISSN 0100-3984 (Sherpa/Romeo)
Publicador Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem
Extensão 219-224
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0100-39842003000400007
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0100-39842003000400007 (estatísticas na SciELO)
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/1815

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: S0100-39842003000400007.pdf
Tamanho: 189.1KB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta