Artrodese subtalar pelo metodo de Ilizarov

Artrodese subtalar pelo metodo de Ilizarov

Título alternativo Subtalar arthrodesis with Ilizarov's method
Autor Mussi, Paulo Roberto Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo O autor faz um estudo retrospectivo de 31 pes, em 30 pacientes com variadas alteracoes do retrope, tratados pelo metodo de Ilizarov. A montagem foi desenvolvida na Escola Paulista de Medicina pelo Grupo de Fixadores Externos para artrodesar a articulacao subtalar, podendo se extender a medio-tarsica ou para alongar o calcaneo, se necessario for, por meio de uma osteotomia, sem que se altere a montagem basica. A idade media, na epoca do tratamento, era de 35 anos e 1 mes com 17 pacientes do sexo masculino e 13 do sexo feminino. Todos apresentavam dor no pre-operatorio e em seis casos de lesoes neurologicas havia tambem instabilidade. O tratamento durou em media 4 meses e 15 dias e o tempo de seguimento medio foi de 5 anos e 8 meses, variando de 11 anos e 3 meses a 1 ano e 2 meses. Em 18 casos (58,1 por cento) utilizou-se enxerto osseo. Os resultados finais mostraram 11 pacientes (35,5 por cento) com resultados excelentes, 11 (35,5 por cento) com resultados bons, 6 (19,3 por cento) com resultados regulares e 3(9,7 por cento) com maus resultados. Na analise subjetiva, 10 pacientes (32,2 por cento) estavam muit6o satisfeitos; 18 (58,1 por cento) estavam satisfeitos e 3 (9,7 por cento) estavam insatisfeitos. O indice da AOFAS pre-operatorio era, em media de 45,5 pontos e depois da artrodese subtalar passou para 82,7 em media. E um metodo simples que se mostrou eficiente para corrigir varias patologias do retrope, eliminando a dor ou a instabilidade e possibilitando retorno precoce as atividades diarias, para a maioria dos pacientes. Possibilita correcoes ambulatoriais, fisioterapia e carga precoce. Obtivemos a consolidacao de 100 por cento dos casos e 23 pacientes(74,1 por cento) retornaram as suas atividades recreativas
Palavra-chave Articulação Talocalcânea
Artrodese
Idioma Português
Data de publicação 2002
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2002. 158 p. ilustabgraf.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 158 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/18120

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta