Amamentacao entre maes adolescentes e nao-adolescentes na cidade de Montes Claros, MG

Amamentacao entre maes adolescentes e nao-adolescentes na cidade de Montes Claros, MG

Título alternativo Breasting in adolescent and non-adolescent mothers in the city of Montes Claros, MG
Autor Frota, Denise Ataide Linhares Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Justificativa: A Organizacao Mundial da Saúde (OMS) preconiza o aleitamento materno exclusivo durante os seis primeiros meses de vida do recem-nascido como medida para diminuir a morbi-mortalidade infantil. A gravidez na adolescencia esta aumentando, embora nao seja esta uma epoca da vida favoravel a reproducao - devido ao despreparo fisico e emocional para a gestacao, parto e maternidade. Objetivo: Comparar a situacao da amamentacao entre maes adolescentes e nao-adolescentes na cidade de Montes Claros, MG, e verificar as razoes alegadas de interrupcao completa da amamentacao antes de completados seis meses apos o parto. Metodo: Estudo transversal feito por amostragem com questionario retrospectivo aplicado no domicilio a 237 maes adolescentes e 239 maes nao-adolescentes cujos partos ocorreram na cidade de Montes Claros, MG; com filhos de seis meses de idade (com margem de 30 dias para mais ou para menos) no momento da entrevista. A coleta de dados realizou-se no periodo de 0 1 de janeiro de 2000 a 30 de junho de 2000. Foram excluidas da entrevista as maes que mudaram o domicilio para fora da referida cidade. Resultados: No momento da entrevista 169 maes adolescentes (71,3 por cento) e 185 maes naoadolescentes (77,4 por cento) amamentavam seus filhos. Os fatores associados ao desmame em adolescentes foram: estado conjugal, dificuldade para amamentar nos primeiros dias, aleitamento exclusivo no peito na alta hospitalar e tipo de atividade da mae apos o parto. As razoes alegadas de interrupcao da amamentacao antes de completados seis meses apos o parto (podendo haver mais que uma razao) foram: leite secou (43,4 por cento), leite nao sustentava a crianca (20,5 por cento), crianca nao queria mais (16,4 por cento), problema de Saúde da mae (9,0 por cento), indicacao medica (4,9 por cento), problema com as mamas (4,1 por cento), volta para o trabalho (4,1 por cento), problema de Saúde da crianca (1,6 por cento), uso de medicamento pela mae (1,6 por cento), volta para o estudo (0,8 por cento). Conclusoes: Maes adolescentes amamentam menos do que maes nao-adolescentes na cidade de Montes Claros, MG. Sao poucos os motivos, entre os alegados de interrupcao da amamentacao, que realmente indicam o desmame. E necessario haver mais orientacoes e incentivo sobre a importancia do aleitamento materno exclusivo ate os seis primeiros meses de vida de seu filho, como preconizado pela OMS
Palavra-chave Humanos
Adolescente
Prevalência
Aleitamento Materno
Mães
Humanos
Adolescente
Idioma Português
Data de publicação 2002
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2002. 108 p. ilustab.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 108 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17918

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta