Baixa estatura de causa nutricional: desenvolvimento psicologico e desempenho escolar entre alunos da rede publica

Show simple item record

dc.contributor.author Costa, Vania Vieira [UNIFESP]
dc.date.accessioned 2015-12-06T23:02:07Z
dc.date.available 2015-12-06T23:02:07Z
dc.date.issued 2002
dc.identifier.citation São Paulo: [s.n.], 2002. 207 p. tab.
dc.identifier.uri http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17873
dc.description.abstract O objetivo deste trabalho foi o de investigar caracteristicas emocionais de criancas com deficit de crescimento (E/I £ -1,5 Z), comparando-as com o grupo controle. Foram estudadas 342 criancas na faixa etaria de 6 a 10 anos, matriculadas nas 1as e 2as. series do 1º Ciclo do Ensino Fundamental da Rede Publica Estadual - Regiao Centro-Sul de São Paulo. . 0 delineamento do estudo foi de Corte Transversal. Utilizaram-se os seguintes instrumentos: Antropometria, Anamnese Familiar, Questionario do Comportamento Escolar e Teste Projetivo Desenho da Figura Humana. Os resultados demonstraram pequena prevalencia (1,7 por cento) de baixa estatura e (11,2 por cento) de deficit de crescimento entre os escolares. Encontrou-se associacao entre os grupos quanto aos seguintes aspectos: Socioeconomicos - condicoes de moradia (OR = 2,81 IC = 1,10-7,23) e escolaridade materna £ 4 anos (OR = 1,65; IC = 1,00-2,72). Biologicos - estatura materna ( OR = 1,74; IC = 1,03-2,94) e baixo peso ao nascimento (OR = 3,25; IC = 1,66-6,37). Psicologicos - uso de mamadeira (OR = 2,32; IC = 0,92-6,05), dificuldades em relacao ao apetite (OR = 1,67; IC = 1,03-2,71), atitudes inapropriadas maternas para que a crianca se alimente (OR = 1,72; IC = 1,03-2,87), presenca de habito oral tardio - succao do dedo - (OR = 3,56; IC = 1,14-11,46) e enurese (OR = 4,17; I C = 0, 90-21, 73 Pedagogicos - conforme informacao das maes e responsaveis - dificuldade escolar (OR=1,90; IC-1,17-3,09). Segundo informacoes dos professores - baixo desempenho escolar (OR = 2,25; IC = 1,37-3,73) e dificuldade escolar (OR = 2,50; IC = 1,47-4,25), nas areas de escrita (OR = 2,63; IC = 1,13-6,28) e matematica (OR = 1,85; IC = 0,97-3,50). Aspectos comportamentais - ausencia de autonomia (OR = 2,98; IC = 1,69-5,27), imaturidade (OR = 2,12; IC =0,96-4,67) sentimentos de desvalorizacao (OR = 2,86; IC = 0,93-8,89) e distracao (OR = 1,69; IC = 1,03-2,77). Na analise do Teste do Desenho da Figura Humana, nao foram encontradas associacoes estatisticamente significantes entre os grupos. Esses resultados indicam a importancia dos fatores, socioeconomicos, atitudes de pais e professores sobre o desenvolvimento psicologico de criancas acometidas pela baixa estatura, para as quais nao sao favorecidas as aquisicoes de habilidades correspondentes a fase emocional em que se encontram. Programas educativos devem ser implantados para que se viabilize a integracao de familia e escola nos cuidados com essas criancas pt
dc.format.extent 207 p.
dc.language.iso por
dc.publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.rights Acesso restrito
dc.subject Desenvolvimento Infantil pt
dc.subject Transtornos do Crescimento pt
dc.subject Criança pt
dc.subject Aprendizagem/classificação pt
dc.title Baixa estatura de causa nutricional: desenvolvimento psicologico e desempenho escolar entre alunos da rede publica pt
dc.title.alternative Nutritional short stature: psychological development and performance at school among students of the public system en
dc.type Dissertação de mestrado
dc.identifier.file epm-017787.pdf
dc.description.source BV UNIFESP: Teses e dissertações
unifesp.campus Universidade Federal de São Paulo, Escola Paulista de Medicina pt



File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search


Browse

Statistics

My Account