Gligoesfingolipídeos de formas amastigotas de Leismania(leishmania) amazonensis.Estrutura e papel na interação leishmania-macrófago

Gligoesfingolipídeos de formas amastigotas de Leismania(leishmania) amazonensis.Estrutura e papel na interação leishmania-macrófago

Título alternativo Glycosphingolipids of leishmania(leishmania)amazonense amastigores forms. Struture ans role in leishmania-macrophage interaction
Autor Tanaka, Améria Kaori Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Takahashi, Anita Hilda Straus Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivo: Analisar o papel dos glicoesfingolipideos (GSLs) de formas amastigotas de Leishmania (Leishmania) amazonenses isolando e caracterizando esses glicoconjugados reativos com os anticorpos monoclonais (MOAbS) ST-3, ST-4 e ST-5 e determinando a especificidade fina desses anticorpos, a importancia do residuo terminal de a-D-galactose na infectividade em cultura de macrofagos, a cinetica de expressao desses antigenos no parasita e possiveis lectinas/receptores do macrofago para essas moleculas. Metodos: As formas amastigotas foram isoladas de patas de hamsters infectados com L. (L.) amazonenses e os GSLs extraidos e purificados por combinacoes de: cromatografia em coluna de Florisil e de troca fonica em DEAE-Sephadex; cromatografia liquida de alta resolucao; e cromatografia preparativa em camada delgada de alta resolucao. Para analise da especificidade dos anticorpos, foram realizados radioimunoensaios de fase solida, no qual os anticorpos foram pre-incubados com diferentes glicosideos e ensaiados em placas de 96-pocos adsorvidas com a Banda 1 (menor antigeno glicoesfingolipidico de amastigotas de L. (L.) amazonenses reconhecido pelos MoAbs ST-3, ST-4 e ST-5). O efeito desses glicosideos na adesao e infectividade de macrofagos por formas amastigotas foi tambem avaliado pre- incubando-se os macrofagos com os glicosideos antes da infeccao pelo parasita. A expressao de antigenos glicolipidicos foi analisada por imunofluorescencia indireta em monocamada de macrofagos murinos infectados e durante diferenciacao celular do parasita em cultura. A identificacao de possiveis receptores para GSLs de formas amastigotas foi realizado em Western Blot de preparacoes de macrofagos murinos incubados com micelas contendo os GSLs...(au)
Palavra-chave Glicoesfingolipídeos
Leishmania
Leishmania braziliensis
Glycosphingolipids
Leishmania
Leishmania braziliensis
Idioma Português
Data de publicação 2002
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2002. 78 p. ilus.
Publicador Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 78 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17851

Exibir registro completo




Arquivo

Arquivo Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta